Daqui a 3 anos não haverá terroristas em Chechénia

Falando numa conferência de imprensa da capital, Grozny, considerou que o turismo deverá voltar em breve, muito antes dos 5 anos que serão precisos para restaurar a economia e dos 10 a 12 anos necessários para a reconstrução de Grozny, “para deliciarem com a beleza da República”.

Acrescentou que o elemento Aslan Maskhadov já não coloca uma ameaça para o funcionamento interno da República mas confiou que o sonho dele é apanhar Shamil Bassaev, líder dos terroristas e bandidos.

Timofei BYELO PRAVDA.Ru