Lavrov pede integridade da União Europeia

“Nós respeitamos os direitos humanos e queremos que sejam respeitados por todos”, disse Lavrov, lembrando que em alguns estados bálticos, convenções internacionais sobre liberdade e racismo não estão a ser respeitadas.

Sergei Lavrov disse que a Federação Russa espera que a União Europeia compreenda a situação e que entenderá que não pode haver dois pesos e duas medidas.

Os estados bálticos (Lituânia, Estónia e Letónia) entram na União Europeia em 1 de Maio.

Timofei BYELO PRAVDA.Ru