Rússia pode continuar tarefas da NASA

Depois do desastre com o Columbus, que fez com que a NASA fizesse uma moratória no programa “humanos no espaço”, o programa Soyuz afirmou que está em condições para continuar o programa da NASA durante o próximo ano.

Hoje descolou-se o Progress M-47, que irá levar combustível, equipamentos e alimentos para os tripulantes. Sergei Gorbunov, porta-voz do programa espacial da Federação Russa, disse à imprensa que o Progress irá trazer o necessário para os próximos três meses. Depois da suspensão imposta no programa dos navios da NASA, a estação só pode ser abastada pelos navios SOYUZ.

Timofei BYELO PRAVDA.Ru