General ucraniano: A Rússia enviará 200.000 soldados para a zona de operações especiais

General Romanenko: a Rússia lançará cerca de 200.000 soldados na zona de operação especial

A Rússia está se preparando para enviar centenas de milhares de soldados para a zona da operação especial nas próximas semanas, disse o ex-Chefe Adjunto do Estado-Maior General das Forças Armadas da Ucrânia, Tenente-General Igor Romanenko.

Segundo o oficial, esta é a reserva estratégica do exército russo, que conta com cerca de 200.000 pessoas.

De acordo com a lógica militar, as forças serão usadas para fortalecer o grupo no leste e tentar completar a tarefa de capturar o Donbass, acredita o general.

Todos os reservistas serão posicionados no campo de batalha em março, disse também Romanenko.

Enquanto isso, o chefe da Direção Principal de Inteligência do Ministério da Defesa da Ucrânia, Kirill Budanov, acredita que batalhas decisivas com as tropas russas poderão ocorrer de meados a finais da primavera.

"Sim, [será] um ponto de virada", disse Budanov. De acordo com ele, as tropas russas já lançaram uma grande ofensiva.

Subscrever Pravda Telegram channel, Facebook, Twitter

Author`s name Petr Ermilin
X