A Rússia oferece concessões aos Estados hostis para facilitar as sanções

O Banco Central da Rússia oferece concessões aos chamados "países hostis" se eles concordarem em aliviar as sanções contra a Rússia.

"Qualquer liberalização deve ser feita em relação aos Estados amigos. Ao mesmo tempo, o Banco da Rússia pode considerar a opção de liberalização em relação aos países hostis em resposta a sua decisão de aliviar as sanções", diz a minuta das Instruções Principais para o Desenvolvimento do Mercado Financeiro da Federação Russa para 2023-2025.

Deve-se mitigar a responsabilidade administrativa pela violação das exigências da legislação monetária relacionada à imposição de sanções, disse também o Banco Central.

A Rússia implementou várias restrições relativas à compra, emissão e exportação de moeda estrangeira na primavera de 2022 contra o pano de fundo das sanções ocidentais em resposta à decisão de Moscou de iniciar a operação militar na Ucrânia.

Subscrever Pravda Telegram channel, Facebook, Twitter

Author`s name Petr Ermilin