A operação especial terminará na primavera de 2023 com a capitulação da Ucrânia

A operação militar especial continua com pequenas mudanças táticas. As tropas russas passaram a atacar objetos vitais da infra-estrutura militar das Forças Armadas da Ucrânia, disse o professor Alexei Podberyozkin, diretor do Centro de Problemas Político-Militares, Doutor em Ciências Históricas, em entrevista ao Pravda. Ru.

O exército ucraniano foi quase totalmente destruído. Restam muito poucos soldados profissionais nas fileiras das Forças Armadas da Ucrânia. A Ucrânia também sofre com a falta de equipamento e hardware militar, Podberyozkin apontou.

"A Ucrânia é incapaz de lutar por um longo tempo. É fácil imaginar o que vai acontecer em outubro, novembro, dezembro, porque a Ucrânia ficou sem recursos energéticos e os restos da infra-estrutura serão destruídos", disse ele.

Segundo Podberyozkin, a operação especial terminará no início de 2023, muito provavelmente na primavera, com a derrota absoluta das Forças Armadas da Ucrânia e a rendição da Ucrânia.

Subscrever Pravda Telegram channel, Facebook, Twitter

Author`s name: Petr Ermilin