Putin diz a Modi que quer acabar com o conflito ucraniano o mais rápido possível

O presidente russo Vladimir Putin disse que queria que o conflito na Ucrânia terminasse o mais rápido possível.

Em conversa com o primeiro-ministro indiano Narendra Modi, Putin salientou que as autoridades ucranianas se recusaram a negociar e pretendem alcançar seus objetivos por meios militares.

"Estou ciente de sua posição sobre o conflito na Ucrânia e de suas preocupações". Faremos nosso melhor para acabar com isso o mais rápido possível", disse o presidente russo ao primeiro-ministro indiano. "Infelizmente, a parte contrária anunciou sua recusa em negociar e queria atingir seu objetivo por meios militares", acrescentou ele.

Em 16 de setembro, Putin participou da reunião do Conselho de Chefes de Estado da Organização de Cooperação de Xangai (SCO) em Samarkand, Uzbequistão. Na sexta-feira, o presidente russo se reunirá com o presidente turco Recep Tayyip Erdogan e o presidente do Azerbaijão Ilham Aliyev.

Durante seu discurso na reunião de cúpula da SCO, Putin lançou a esperança de que os países ocidentais abandonariam a política de sanções, e apelou ao Ocidente para que abandonasse o "egoísmo econômico".

Subscrever Pravda Telegram channel, Facebook, Twitter

Author`s name: Petr Ermilin