Bebê morre depois que a mãe dá à luz sozinha no veículo de emergência

Na região de Ivanovo, um bebê morreu depois que a mãe deu à luz em uma ambulância enquanto a caminho do hospital, o Rossiyskaya Gazeta informa com referência ao departamento regional do Comitê de Investigação da Rússia.

Não havia nenhum médico ao lado da mulher em trabalho de parto na ambulância - o paramédico estava sentado ao lado do motorista, disse o jornal.

Quando a mulher deu à luz, ela entregou o bebê ao paramédico. O paramédico enfaixou o bebê e o entregou aos médicos do hospital. Entretanto, algumas horas depois, o recém-nascido morreu.

Mais tarde, o paramédico disse que ela deixou a mulher sozinha porque não se sentia bem. O médico suspeitou que ela havia contraído a infecção pelo coronavírus. Entretanto, no dia do incidente, ela foi testada negativa para Covid. No entanto, o paramédico decidiu não correr riscos e sentou-se no banco do passageiro ao lado do motorista.

O paramédico foi suspenso do trabalho. Os investigadores analisam outras circunstâncias do incidente.

Subscrever Pravda Telegram channel, Facebook, Twitter

Author`s name: Petr Ermilin