Terminar o presidente e o PM apoiam a entrada urgente na OTAN

O presidente finlandês Sauli Niinistö e o primeiro-ministro Sanna Marin anunciaram que o país deveria solicitar imediatamente a adesão à OTAN. 

"Esperamos que as medidas nacionais ainda necessárias para tomar esta decisão sejam tomadas rapidamente nos próximos dias", disse o presidente e primeiro-ministro em uma declaração conjunta.

O documento também afirma que a adesão à Aliança do Atlântico Norte fortalecerá a segurança da Finlândia e vice-versa.

Anteriormente, a Reuters informou que, já em 12 de maio, a Finlândia poderia solicitar a adesão à OTAN.

Marin disse que a decisão sobre a entrada da Finlândia na OTAN será tomada dentro de uma semana. Ela enfatizou que o país não pode permanecer "indefeso diante da Rússia".

Subscrever Pravda Telegram channel, Facebook, Twitter

Author`s name Petr Ermilin