Author`s name Pravda.ru

Angola precisa de mais mulheres no poder

Fazendo suas declarações numa conferência em Luanda hoje, Cândida celeste afirmou que Angola precisa de mais mulheres em posições de tomar decisões e acrescentou que este processo deverá começar com os partidos políticos e ministérios, onde a participação da mulher poderia ser mais comum.

A conferência, chamada “O papel da Mulher na sociedade ontem e hoje” foi organizada pela Rádio Nacional de Angola e serviu para a ministra explicar a política do governo de Angola relativamente à posição das mulheres.

Relativamente a este objectivo, disse Cândida Celeste, muito já foi feito, nomeadamente a concessão de crédito na área agricultural e a participação de mulheres nas cooperativas agrícolas, às vezes como as dirigentes destas.

No entanto, afirmou a ministra, mais do que 50% das mulheres em Angola são consideradas pobres, numa sociedade em que as mulheres constituem 80% da população. “Não queremos ser feministas, simplesmente queremos igualdade e equilíbrio nas relações entre homens e mulheres”.

Cândida Celeste quer realizar o objectivo da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral de ter nos órgãos de tomada de decisão a vários níveis um rácio de 30% de mulheres. Para isso, disse a ministra, a mulher Angola tem muito a fazer e muito trabalho pela frente.

Um dos principais objectivos no curto prazo é eliminar o analfabetismo entre as mulheres.

Acácio BANJA PRAVDA.Ru LUANDA ANGOLA

Subscrever Pravda Telegram channel, Facebook, Twitter

Author`s name: Pravda.Ru Jornal