Moscovo: Bases ficam na Geórgia

O Primeiro Vice Chefe do estado Maior das Forças Armadas da Federação Russa, Yury Baluevsky, declarou na sua reunião com Tedo Dzhaparidze, MNE da Geórgia, que Moscovo não aceita o plano de Tblissi para retirar as bases militares russas do território até 2007.

Moscovo tem planos para retirar as bases ao longo de dez anos, embora se a Geórgia pagar parte das despesas de relocar estas tropas dentro da Rússia, o prazo poderia ser menos, disse Yury Baluevsky.

Entre os pontos referidos nas conversas foi a presença de elementos terroristas tchetchenos no desfiladeiro de Pankissi, em território georgiano, e a missão de paz no conflito entre a Geórgia e a Abkházia.

Konstantin KODENETS PRAVDA.Ru