Os EUA deixarão de fornecer armas à Ucrânia quando a Europa entrar em bancarrota

Os Estados Unidos deixarão de fornecer armas à Ucrânia e iniciarão negociações com a Rússia somente depois que os principais concorrentes industriais na Europa entrarem em falência, acredita o cientista político Marat Bashirov.

Os países europeus já se encontram à beira de um desastre econômico devido às sanções anti-russas. Os europeus foram assim forçados a transferir muitas produções industriais para os Estados Unidos, disse o especialista.

"Assim que os Estados Unidos comerem todas as produções marginais, isto é, lucrativas na Europa, assim que essas instalações de produção, juntamente com operações bancárias, se mudarem para o território dos Estados Unidos, toda esta história vai acabar", disse Bashirov em uma entrevista à publicação ukraina.ru.

Subscrever Pravda Telegram channel, Facebook, Twitter

Author`s name Petr Ermilin