Author`s name Pravda.ru

Moçambique: Progresso no combate à insurgência

O presidente sul-africano, Cyril Ramaphosa, disse na terça-feira que houve "progressos significativos" no combate a uma insurgência jihadista no norte de Moçambique depois que uma força multinacional foi enviada para lá no ano passado.

Ramaphosa, que preside a seção de defesa e segurança do bloco de Desenvolvimento da África Austral (SADC), deu a atualização em uma cúpula convocada para avaliar os desenvolvimentos na região.

Os membros da SADC e o Ruanda intervieram há seis meses para ajudar o exército moçambicano sitiado, trazendo mais de 3.000 soldados.

"Desde a implantação... um progresso significativo foi feito", disse Ramaphosa em discurso de abertura nas conversações de dois dias na capital do Malawi.

“A situação de segurança em Cabo Delgado está a melhorar, o que tem permitido que algumas pessoas deslocadas internamente regressem às suas casas e retomem a sua vida normal”, disse.

Operando ao lado das tropas moçambicanas, as forças regionais ajudaram a criar “passagem segura” para levar ajuda humanitária às áreas atingidas pelos jihadistas, disse.

A Missão da SADC em Moçambique (SAMIM) foi inicialmente destacada em Julho, mas o seu mandato foi prorrogado indefinidamente em Outubro.

Subscrever Pravda Telegram channel, Facebook, Twitter

Author`s name: Pravda.Ru Jornal