Pravda.ru

Notícias » Incidentes


Dois acusados no caso de melamina condenados à morte

22.01.2009 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Dois acusados no caso de melamina foram condenados à morte por um Tribunal chinês nesta quinta-feira(22). Devido à intoxicação por consumirem a leite adulterada cerca de 300 mil crianças chinesas foram hospitalizadas duas morreram.

O escândalo obrigou a "recalls" de derivados do leite em todo o mundo. A Justiça sentenciou também ( entre outros três) Tian Wenhua, ex-presidente da principal firma envolvida no escândalo, à prisão perpétua.

Os dois condenados à morte, Zhang Yujun e Geng Jinping, produziram e venderam pó com proteínas, uma fórmula falsa que na realidade continha melamina, um composto químico usado na fabricação de plásticos e cimento.

No total cerca de 22 firmas usaram melamina para produzir a leite adulterada. Segundo a BBC, a sentença de morte foi a primeira a ser anunciada pela Corte Popular Intermediária de Shijiazhuang, no norte da China, onde fica a fábrica de laticínios Sanlu, que estava no centro do escândalo.

A organização de defesa dos direitos humanos Anistia Internacional afirma que a China executa mais prisioneiros condenados à morte por ano do que todos os outros países juntos.

 
1191
Loading. Please wait...

Fotos popular