Pravda.ru

Notícias » Cultura


Moscovo comemora 100º aniversário do nascimento de Neruda

12.07.2004 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Mário Silberman, o Embaixador de Chile em Moscovo, atribuiu prémios para Lev Ospovat, tradutor de Neruda e crítico literário e Stella Schmidt, editor das obras de Neruda na Rússia.

Mário Silberman afirmou que “Neruda no Chile significa Pushkin na Rússia”. O presidente da Câmara de Moscovo, Yuri Luzhkov, disse que Neruda gostava muito da Rússia e da União Soviética, apoiando a luta anti-fascista, recitando o poema de Neruda acerca da Batalha de Estalingrado.

Eleonora Mitrofanova, a Primeira Vice-ministra das Relações Exteriores da Federação Russa, considerou que “Neruda abriu o Chile à Rússia e mostrou-nos a beleza do seu país” e Aleksandr Sokolov, Ministro de Cultura Russa e das Média, realçou a tradição nos países latino-americanos de nomear figuras conhecidas no mundo da cultura a postos diplomáticos (Neruda foi cônsul honorário na Birmânia, Ceilão, Java, Singapura, Buenos Aires, Barcelona e Madrid entre 1927 e 1935.

Entrando na política, Neruda foi eleito senador para o Partido Comunista, tendo de viver na clandestinidade até conseguir escapar do Chile em 1949, ganhando o Prémio Internacional de Lenine em 1950 para seus esforços pela paz.

Em 1953, conseguiu voltar em segurança para Chile, participando na vida cultural e político do país e em 1971, Salvador Allende o nomeou Embaixador para Paris.

Fonte: RIAN

Olga SELYANINA PRAVDA.Ru

 
1449
Loading. Please wait...

Fotos popular