Pravda.ru

Notícias » Sociedade


Salvador Allende e Carlos Lamarca

08.09.2010 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Dois caminhos, dois enfentamentos

Setembro é mês fundamental na história da América Latina. Dois episódios são reveladores das lutas pela democracia e da resistência a regimes de terror implementados no continente.

No Chile, a agressão imperialista ao regime socialista implementado pelo governo de Salvador Allende e o sanguinário golpe militar, comandado pela CIA americana e operado pelo genocida Augusto Pinochet, massacraram o povo chileno por longo período. No Brasil, para eliminar o capitão Carlos Lamarca, líder da guerrilha brasileira, a ditadura civil-militar montou amplo cerco no sertão da Bahia, torturou muitas pessoas do povo e executou militantes. Lamarca, Zequinha Barreto, seus irmãos, seu pai e outros companheiros foram massacrados sob as vistas de toda a população e seus corpos expostos como exemplo para quem ousasse lutar.

Esses dois comandantes das lutas dos povos latinoamericanos são homenageados pelo Sábado Resistente no próximo dia 11 de setembro como exemplos de dedicação à libertação de nosso continente através de filmes inéditos e debates com seus realizadores.

PROGRAMAÇÃO

14h00 - Boas-Vindas – Katia Felipini (Museóloga – coordenadora do Memorial da Resistência de São Paulo)

Coordenação – Ivan Seixas (Jornalista – presidente do Núcleo de Preservação da Memória Política do Fórum Permanente de ex-Presos e Perseguidos Políticos de São Paulo)

14h15 – Homenagem ao Presidente Salvador Allende e ao povo chileno

15h30 – Projeção do filme À luz do dia

16h00 – O Fórum Direito à Memória e à Verdade e a Décima Celebração aos Mártires

Roque Aparecido da Silva (Coordenador das homenagens na Bahia)

Maria Sena (Cineasta – autora dos filmes À luz do dia e Massacre de Buritis)

17h00 – Debate

Os Sábados Resistentes, promovidos pelo Núcleo de Preservação da Memória Política e pelo Memorial da Resistência de São Paulo, são um espaço de discussão entre militantes das causas libertárias, de ontem e de hoje, pesquisadores, estudantes e todos os interessados no debate sobre as lutas contra a repressão, em especial à resistência ao regime civil-militar implantado com o golpe de Estado de 1964. Os Sábados Resistentes têm como objetivo maior o aprofundamento dos conceitos de Liberdade, Igualdade e Democracia, fundamentais ao Ser Humano.

 
2593
Loading. Please wait...

Fotos popular