Pravda.ru

Notícias » Ciência


Projeto reduz emissão de gás carbônico com reflorestamento

11.01.2011 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

No Parque Nacional das Emas (PNE), unidade de conservação federal no estado de Goiás, acontece uma ação pioneira: o Projeto de Carbono no Corredor de Biodiversidade Emas-Taquari, voltado ao reflorestamento de quase 600 hectares no entorno do parque.

O objetivo é diminuir em quase 207 mil toneladas a emissão de gás carbônico na atmosfera nos próximos 30 anos, além de garantir a conservação de espécies e possibilitar as trocas genéticas da fauna e flora do Cerrado.

Os Corredores de Biodiversidade tem como objetivo planejar a paisagem, conciliando atividade econômica com preservação, visando manter a diversidade biológica dos recursos naturais.

Formado por propriedades particulares no entorno do PNE e por fragmentos inseridos no Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari (Pent), o corredor permeia os municípios de Mineiros, no estado do Goiás, Alcinópolis e Chapadão do Sul, no estado de Mato Grosso do Sul.

O projeto inclui duas comunidades quilombolas, três assentamentos rurais e uma comunidade terapêutica. Diversas entre si, elas apresentam características distintas quanto à forma de organização social, política, meios de produção da economia local, conhecimento tradicional e práticas culturais. A iniciativa conta também com a participação efetiva de quatro produtores rurais, os quais residem na região há mais de 15 anos.

A combinação de recuperação de áreas degradadas, conservação e compromisso social nas comunidades envolvidas no projeto traz para a região a possibilidade de desenvolvimento e geração de renda, redução do uso do fogo como ferramenta de manejo e viabiliza o uso dos produtos da biodiversidade como alternativa sustentável de geração de renda.

SECOM

 

 
2174
Loading. Please wait...

Fotos popular