Pravda.ru

Notícias » Federação Russa


Posição da Federação Russa sobre a Proliferação

04.12.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Presidente Putin quer normas internacionais que garantem a segurança das nações dado que um crescente número de países têm a capacidade de fabricar ADM.

No seu discurso no Conselho de Segurança, Vladimir Putin declarou hoje que “Juntamente com o terrorismo internacional, a proliferação de armas de destruição maciça é ainda a maior ameaça à paz no século 21”.

Referiu dois problemas principais – a não existência duma estrutura legal que estabeleça normas vinculativas para a comunidade internacional e o facto que “um número significativo de países têm as capacidades tecnológicas para criar ADM”.

Vladimir Putin sugeriu que fosse criado um mecanismo universal e vinculativo que seja adequado para encarar a ameaça actual colocada pelo terrorismo global. Porém, realçou a necessidade de uma abordagem pela comunidade internacional “equilibrada, consistente e cuidadosa”.

Acrescentou que “quaisquer tentativas de utilizar este assunto como meio de ganhar influência política ou económica deveriam com certeza ter uma reação apropriada da nossa parte”.

Quanto à Federação Russa, o Presidente quer definir o significar do termo “não proliferação” e elaborar as prioridades na segurança nacional e quer rever os programas existentes sobre a não-proliferação, examinando o papel desempenhado por todos os departamentos para optimizar a operacionalidade, quer na Federação, quer na CEI.

Presidente Putin declarou que “A Rússia é um dos participantes chave no processo de não proliferação e irá continuar a desempenhar esse papel no futuro”.

Konstantin KODENETS PRAVDA.Ru

 
1671
Loading. Please wait...

Fotos popular