Pravda.ru

Notícias » Mundo


Operação de captura dos assaltantes do banco na Venezuela acabou

30.01.2008 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Operação de captura dos assaltantes do banco na Venezuela acabou

O governador do estado Guaríco, Eduardo Manuitt, informou que as autoridades capturaram os quatro sequestradores que mantiveram retidos mais de 24 horas um grupo de pessoas no Banco Provincial de Altagracia de Orituco.

”Capturamos a ambulância com os assaltantes e os seis reféns”, disse Manuitt à televisão pública VTV, segundo El Universal.

Os policiais deixaram que os assaltantes, jovens na faixa dos 20 anos, fugissem de ambulância, menos de três horas antes, com os seis reféns que se ofereceram de forma voluntária, em uma sucursal do Banco Provincial, em Altagracia de Orituco. Os aparelhos eletrônicos de localização foram colocados na ambulância e helicópteros a seguiram até o momento da denção.

A mãe, a tia e a sogra do líder do bando ficaram nas mãos das autoridades como garantia da integridade dos reféns, contou Manuitt, que havia anunciado que a ambulância não seria perseguida.

"O mais importante é a vida dos reféns, e foi o que conseguimos", frisou Manuitt.

O ministro do Interior, Ramón Rodríguez Chacín, declarou à imprensa que o momento crítico do seqüestro foi quando um dos assaltantes deu um disparo, enfurecido ao ver sua mãe junto com o ministro, a poucos metros do banco. Pouco antes de chegarem a um acordo sobre a saída dos seqüestradores na ambulância, eles ameaçaram matar as pessoas em seu poder.

 "Deram 20 minutos para começar a executar os reféns. A situação ficou complicada e acertamos que os reféns sairiam" junto com os seqüestradores, relatou, informando que a ambulância era "dirigida por um dos reféns".

Entre os seqüestrados, havia três crianças, um bebê e uma grávida de oito meses.

 
1849
Loading. Please wait...

Fotos popular