Pravda.ru

Notícias » Mundo


Três Brics são apontados como os cinco maiores exércitos do futuro

18.08.2016 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Três Brics são apontados como os cinco maiores exércitos do futuro. 24927.jpeg

Exércitos de China, Índia e Rússia são destaque em publicação norte-americano. França e Estados Unidos completam topo de ranking, devido a particularidades a descritas a seguir.

Rússia, EUA, China, Índia e França serão as mais poderosas forças armadas do mundo em 15 anos, segundo publicação político-militar "The National Interest".

Para chegar a esta conclusão, os autores da previsão levaram três fatores em conta: o acesso dos militares a recursos nacionais, incluindo mais recente tecnologia e inovação; apoio da liderança do país, permitindo que as forças armadas mantenham a sua independência; e a capacidade de testar novas armas e táticas em combate.

Rússia

O Exército russo passou por um momento difícil de transformação e restauração do acesso a verbas nacionais no período que seguiu a Guerra Fria. Juntamente com a recuperação econômica, houve uma poderosa corrente de investimentos nas forças armadas, enquanto a reforma das divisões de elite permitiram à Rússia conduzir duas operações militares bem-sucedidas, na Tchetchênia e na Ossétia do Sul. As forças terrestres podem ter dificuldade de acesso à tecnologia no futuro, uma vez que o complexo militar-industrial do país ainda se recupera do colapso da URSS, segundo o colunista da "The National Interest" Robert Farley. No entanto, o Exército nacional manterá as suas principais vantagens por um longo período - o tamanho e a força psicológica de seus soldados.

China

A principal vantagem do Exército de Libertação do Povo Chinês (CPLA) continua a ser o seu tamanho, e a desvantagem mais significativa, a falta de experiência em termos de aplicação prática. A última vez que os militares chineses participaram de um conflito foi em 1979, durante a guerra contra o Vietnã. Como o norte-americano, o Exercito chinês tem acesso total a recursos e tecnologias nacionais. Embora o desenvolvimento da economia chinesa tenha proporcionado aos militares a oportunidade de construir armas modernas, estas permanecem inacessíveis para os vizinhos na região Ásia-Pacífico.

Índia

Ao contrário da China, o Exército indiano tem grande experiência de combate; realiza constantes operações contra rebeldes maoístas no interior do país e se opõe a separatistas da Caxemira, que gozam de apoio maciço do Paquistão.

A desvantagem do Exército indiano é seu atraso tecnológico, que vem sendo revertido com a compra de sistemas modernos da Rússia, dos EUA e de Israel. Mesmo assim, a liderança em Nova Déli tem por missão desenvolver armamento nacional.

Fonte

 

 
3328
Loading. Please wait...

Fotos popular