Pravda.ru

Notícias » Mundo


Chefe do Estado-Maior defende retirada imediata das tropas britânicas do Iraque

13.10.2006 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O chefe do Estado-Maior britânico, general Richard Dannatt, defendeu nesta sexta-feira a retirada imediata das tropas britânicas do Iraque, alertando que, se isto não acontecer, a situação vai piorar tanto no país árabe quanto na Grã-Bretanha. As declarações foram dadas ao jornal "Daily Mail".


"Nossa presença no Iraque aumenta as dificuldades que enfrentamos no mundo todo", disse na entrevista, sobre a qual, aparentemente, não havia informado ao Ministério da Defesa.


Diante do argumento do governo de Tony Blair de que as tropas internacionais estão no Iraque para impulsionar a democracia e ajudar o Executivo eleito, o general lembrou que a opinião dos muçulmanos sobre os estrangeiros que estão em seu país é bastante clara.


"Como estrangeiro, você pode ser bem-vindo, caso seja convidado a ir ao país. Mas nós não fomos convidados pelos iraquianos", destacou.


O militar classifica a campanha de 2003 como um "chute na porta" para entrar no Iraque. Ele afirma que o governo trabalhista foi "ingênuo" ao aceitar o desafio de instaurar uma democracia liberal nos moldes ocidentais no país árabe.


"A história demonstrará que o planejamento do que deveria ocorrer após a bem-sucedida fase inicial de combate foi mal feita, mais fundamentada no otimismo do que em um plano coerente", disse.

EFE 

 
1466
Loading. Please wait...

Fotos popular