Pravda.ru

Notícias » Mundo


Honduras: a resistência contra os golpistas continua

07.07.2009 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Tegucigalpa, 6 jul. (PL) ─ Milhares de manifestantes retornaram hoje às ruas da capital de Honduras e da cidade de San Pedro Sula para repudiar a repressão do regime golpista e exigir a restituição do presidente constitucional, Manuel Zelaya.

"Apesar da barbárie desatada por este governo fascista, a resistência do povo se mantém firme até o último momento", declarou o dirigente da Confederação Unitária dos Trabalhadores, Israel Salinas.

Na véspera o regime impediu a aterrissagem no aeroporto de Toncontín do avião em que Zelaya retornava ao país, junto com a chanceler Patricia Rodas e o presidente da Assembleia Geral da ONU, Miguel D'Escoto.

As tropas do exército deslocadas para o terminal aéreo reprimiram violentamente milhares de pessoas que esperavam o mandatário e causaram a morte de dois adolescentes e feridas em mais de uma dezena de manifestantes.

Em homenagem às vítimas as organizações populares declararam a jornada de hoje como dia de luto e carregaram um ataúde em sua mobilização à Casa do Governo.

"Assassinos, assassinos", gritavam em coro os manifestantes em frente aos cordões de isolamento colocados pelo exército e pela polícia para impedir-lhes a aproximação do lugar.

Manifestações similares se realizaram em San Pedro Sula, a segunda cidade em importância do país.

"Nossa conduta se mantém inalterável. Temos que continuar nessa luta até que os usurpadores saiam do poder", declarou Erasto Reyes, do Bloco Popular.

Nove dias depois de iniciado o golpe de Estado, o país se encontra semiparalisado e sob um toque de recolher durante o qual centenas de sindicalistas, estudantes, camponeses e representantes de outros setores foram presos.

Fonte: Prensa Latina

http://www.socialismo.org.br/portal/internacional/39-noticia/1001-honduras-prepara-se-golpe-de-estado

 
1976
Loading. Please wait...

Fotos popular