Pravda.ru

Notícias » Mundo


Opinião: A mentira de Obama

03.12.2009 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Durante toda a campanha eleitoral, a posição de Barack Obama foi a mesma: dar um basta nas guerras, acabar com Guantánamo, base dos Marines, e procurar a paz.

Mostra-se mais um presidente americano mentiroso. O envio de tropas para o Afeganistão revela um homem que segue a política militarista norte-americana e não se incomoda com a restauração da economia. A atitude tomada só faz piorar.

Enganou o povo americano e iludiu o mundo. Confirmou a verificação de Mikhail Gorbatchov. “Depois da Segunda Guerra, todos os presidentes norte-americanos iniciaram ou deram prosseguimento a uma guerra.”

Está criado um novo Vietnã. Os afegãos vão resistir e têm preparo militar, inclusive dado pelos próprios americanos. Como isto vai acabar, ninguém sabe. Após o 11 de setembro qualquer sombra é uma ameaça, qualquer árabe é um terrorista.

Por causa deste hábito doente, fica o povo com menos dinheiro nos investimentos públicos, eles têm que servir aos senhores da guerra e da destruição.

Obama abusou da mentira para eleger-se. Até agora, não fez nada pelos Estados Unidos que salvasse definitivamente o país da crise.

Iludiu o mundo, parecendo que faria uma paz com todos. Acenou um acordo com Cuba, fato que lhe daria imenso prestígio entre as nações democráticas e civilizadas do planeta.

A festa da Paz acabou. Muito norte-americano não tinha dúvida disso.

Jorge Cortás Sader Filho

 
1494
Loading. Please wait...

Fotos popular