Pravda.ru

Notícias » Portugal


BCP quer ver mais investimento em Moçambique

19.02.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Christopher de Beck, o Vice-Presidente do Banco Comercial Português, que detém 67% da capital do Banco de Investimento de Moçambique, declarou ontem em Maputo que o BCP não irá investir mais no BIM sem que a economia moçambicana cresça.

Considera que os empresários portugueses têm um papel importante a desempenhar e disse que quer ver mais investimento deste sector em Moçambique.

Mário Machungo, Presidente do Conselho de Administração do BIM, declarou à imprensa que “Temos de contar com os portugueses para os pequenos e médios projectos. O BIM pode servir de plataforma giratória para os investimentos portugueses”.

O mercado bancário de Moçambique é controlado maioritariamente por bancos portugueses. O BIM controla 50% do sector, enquanto a Caixa Geral de Depósitos e o Banco Português de Investimento, juntamente com os bancos locais Banco de Comércio e Investimento e o Banco de Fomento, controlam 20%, o que significa que as instituições bancárias portuguesas controlam directa ou indirectamente 70% do mercado.

O sector bancário em Moçambique tem um vasto potencial, pois somente 20% do país está coberto por redes bancários. Neste momento, o BIM tem uma taxa de adesão de novos clientes de 3,000 por mês, existindo ainda vastas áreas sem qualquer balcão.

Bento MOREIRA PRAVDA.Ru MAPUTO MOÇAMBIQUE

 
1405
Loading. Please wait...

Fotos popular