Pravda.ru

Notícias » Brasil


Fome Zero chega a mais 86 municípios de Pernambuco

31.05.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

A partir daí inicia-se a seleção e cadastramento das famílias que serão beneficiadas pelo Cartão Alimentação. Os agentes também recebem noções de segurança alimentar e nutricional; orientação para implantar e acompanhar ações complementares, como o Registro Civil gratuito, erradicação do analfabetismo, programas de saúde, entre outras; e são incentivados a elaborar com a comunidade o Plano de Desenvolvimento Local.

Segundo o secretário de Produção Rural e Reforma Agrária do Estado, Gabriel Maciel, que exerce a função de coordenador estadual do Programa Fome Zero, o próximo passo será a instalação do Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (CONSEA). "Espera-se que até o final da primeira quinzena de junho seja instalado o CONSEA, que vai representar um importante instrumento para o melhor andamento do Programa Fome Zero em Pernambuco", afirmou.

Desde de 26 de maio até 6 de junho, está ocorrendo o pagamento do Cartão Alimentação para 8.621 famílias dos 19 municípios de Pernambuco incluídos na 1ª fase. Para os 86 municípios dessa 2ª fase, a previsão de pagamento é iniciar no final do mês de agosto.

Quilombolas

As comunidades quilombolas do Estado de Pernambuco começam a receber cestas básicas a partir de julho. Ao todo, 1.201 famílias de 6 comunidades serão beneficiadas. O objetivo é inclui-las no Programa Cartão Alimentação no 2º semestre.

Por se encontrarem em situação de insegurança alimentar, as seis comunidades selecionadas são: Imbé, no município de Capoerias; Negros de Jilú, em Itacurubá; Conceição das Crioulas, em Salgueiro; Guaribas, em Bezerros; e Serrote do Gado Brabo e Sítio Caldeirãozinho, ambas na cidade de São Bento do Una.

As famílias foram indicadas pelo Projeto Quilombo, do governo do Estado de Pernambuco, e pela Associação Quilombola de Conceição das Crioulas em conjunto com a Fundação Cultural Palmares. Além da agricultura familiar, as principais atividades destas comunidades são o artesanato, a criação de animais e a pesca.

Entre os dias 25 e 28 de maio, a comunidade de Imbé participou, com o Projeto de Padaria e de Confecção, do Encontro Vozes Quilombolas em Recife, recebendo uma parte do prêmio de US$ 30 mil que o Banco Mundial ofereceu. Paralelamente, ocorreu a Feira de Produtos das Comunidades Remanescentes de Quilombos, onde oito grupos do Estado apresentaram seus trabalhos em artesanato e culinária.

www.pt.org.br

 
2511
Loading. Please wait...

Fotos popular