Pravda.ru

Notícias » Brasil


Encontro de Comércio Exterior alavanca vendas externas de pequenas empresas

30.09.2005 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Uma das ações do governo federal mais expressivas de estímulo às exportações de pequenas e micro empresas, o Encontro de Comércio Exterior (Encomex) completa sua 100ª edição nesta quinta-feira (29.09), em Porto Alegre. O projeto, que já passou por 96 cidades brasileiras e reuniu mais de 22 mil empresas, leva até o município com potencial exportador as informações sobre a estrutura, o funcionamento e critérios básicos do comércio internacional, bem como os mecanismos de apoio à exportação e as oportunidades de negócios com outros países. Esta é mais uma medida do governo responsável pelo aumento do número de micro e pequenas empresas exportadoras. Em 2002, eram nove mil e no ano passado mais 1.790 empresas iniciaram suas vendas externas - totalizando 10.790.

"Um dos maiores entraves ao comércio exterior principalmente para pequenos negócios é o fato de o empresário não acreditar que seu produto tenha qualidade suficiente e seja competitivo no mercado internacional. Por isso, o Encomex é importante para trazer mais confiança ao empresário e mostrar as ferramentas que temos disponíveis para favorecer as exportações", explica o coordenador da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (MDIC), Sérgio Nunes.

Participam do Encomex o MDIC, Ministério da Agricultura, governos locais, federações de indústria e comércio, Correios, Inmetro e instituições de fomento, como a Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Além de ter conhecimento sobre as regras básicas do comércio exterior, os empresários têm acesso a encontros individualizados - chamados despachos executivos - nos quais o foco são temas específicos de interesse dos donos de pequenos negócios, bem como orientações mercadológicas e tecnológicas.

Há também o balcão de serviços onde ficam expostos os serviços e técnicas de suporte ao comércio exterior voltados para as características da região. É caso de financiamentos do BNDES, o serviço Exporta Fácil dos Correios e o Balcão de Negócios do BB. A maioria dos encontros ainda monta um show-room com produtos da localidade já vendidos para o exterior ou com potencial exportador. Sérgio Nunes diz que o Encomex funciona como um "abre alas" para municípios que exploram pouco o comércio com outros países. "Ainda há cidades no interior de São Paulo, por exemplo, muito industrializadas, mas onde não existe a cultura exportadora", completa Sérgio.

Sérgio Nunes salienta que desde 2003 o Encomex agregou um serviço diferenciado para cidades exportadoras e as com potencial exportador. Onde não há setores organizados em relação ao comércio exterior, o encontro trata de temas mais abrangentes e nos demais municípios é feito um trabalho mais específico com o intuito de se especializar ainda mais os ramos tradicionais de vendas externas. É o caso de Franca, no interior paulista. A cidade, de 315 mil habitantes, tem como ponto forte a indústria calçadista. Conforme dados do Sindicato das Indústrias de Calçados de Franca, são 500 indústrias, mais de 20 mil funcionários e uma produção anual de 35,4 milhões de pares, 10 milhões deles exportados para mais de 50 países. Lá, o Encomex realizado em dezembro do ano passado teve como característica preponderante o aprimoramento do seu principal produto de exportação. "O que mais nos chamou atenção foi a presença de especialistas de uma grande indústria de calçados, da Abicalçados (Associação Brasileira das Indústrias de Calçados) e do pessoal do Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo)", afirma a gerente de Comunicação da Associação do Comércio e Indústria de Franca, Lila Machado.

Na capital gaúcha - que recebe o Encomex pela segunda vez - haverá o encontro de cerca de 700 empresas de todo o estado especialmente dos setores do agronegócio, artesanato, calçados, móveis, confecções, gemas e jóias. Será mais uma oportunidade para se conhecer as novidades do comércio exterior e fazer um balanço de um projeto que está contribuindo para a diminuição das diferenças regionais e o incremento da geração de emprego e renda no país. A participação no evento é gratuita.

Subsecretaria de Comunicação Institucional da Secretaria-Geral da Presidência da República

 
4356
Loading. Please wait...

Fotos popular