Pravda.ru

Notícias » Brasil


Terceira vítima da Operação Navalha

25.05.2007 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O diretor do programa Luz Para Todos, José Ribamar Lobato Santana, pediu demissão do cargo nesta quinta-feira (24). Se não saísse, apurou o blog, ele seria demitido. É a terceira vítima que a Operação Navalha faz no Ministério das Minas e Energia, informa Jornal da Mídia.

 Segundo informações de Folha de São Paolo , Santana teria participado do superfaturamento em R$ 2 milhões de uma obra do Programa Luz para Todos na qual o ex-ministro Rondeau teria recebido propina de R$ 100 mil. A obra seria operacionalizada pela Construtora Gautama, empresa que é pivô das investigações da Polícia Federal.

Lobato Santana afasta-se do governo apenas 48 horas depois de o titular da pasta, Silas Rondeau ter entregado, ele próprio, uma carga de demissão a Lula. Antes dos dois, já havia se retirado do ministério Ivo Almeida Costa, que era assessor especial de Rondeau.

Quanto a Ivo Costa, chegou a ser detido pela polícia. Foi posto em liberdade pela ministra Elena Calmon, do STJ, depois de prestar depoimento. A PF sustenta que foi ele quem recebeu, das mãos de Fátima Palmeira, diretora Financeira da Gautama, o envelope com a propina que teria sido repassada ao ministro. No depoimento à Justiça, Ivo alegou que o envelope continha documentos, não dinheiro.

 
1301
Loading. Please wait...

Fotos popular