Pravda.ru

Notícias » Angola


Angola: Novos planos para a pre-escola

04.11.2002 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

A cobertura escolar nos subsistemas do pré-escolar, do ensino geral e da educação de adultos são as acções prioritárias do Governo de Angola, inseridas no seu Plano de Acção Nacional de Educação para Todos (PANEPT) até 2015.

Esta garantia vem expressa no estudo de caso do processo metodológico de elaboração do PANEPT em Angola, a ser apresentado na Conferência de Ministros Africanos da Educação (MINEDAF VIII), que terá lugar em Dar-es-Salam (Tanzânia), de dois a seis de Dezembro próximo.

De acordo com o estudo, as infra-estruturas (construção, reabilitação e equipamentos), recursos (humanos e capacitação regular e intensiva de quadros), e o reforço da capacidade institucional, consubstanciado no processo de administração e gestão do sistema de educação, constam entre as principais preocupações do Governo.

Neste âmbito, inclui-se a implementação de programas de formação de professores, metodólogos e gestores escolares, e o abastecimento técnico-material (didáctico escolar e bens, e equipamento escolares).

Para tal, o MEC vai intervir inicialmente nas províncias Huambo, Bié, Uíge, Kuando Kubango, Malanje e Moxico, onde as taxas actuais de escolarização são muito baixas por serem zonas com maior incidência da guerra.

O segundo grupo a ser contemplado pelo PANEPT será o das províncias do Kwanza-Norte e Sul, Lunda- Norte e Sul, Zaire e Cunene, cujas taxas de escolarização ficam entre 40 e 60 por cento.

Luanda, Huíla, Cabinda, Namibe e Benguela com uma taxa média superior a 60 por cento de escolarização constam do último grupo a ser priorizado.

A estratégia de intervenção do sector compreende as fases de emergência (2003-2004), estabilização (2005-2008), expansão, generalização e desenvolvimento (2009-2015).

Com o presente plano, o Governo preconiza a expansão do acesso da população à educação básica e técnico profissional, ampliando as oportunidades de acesso à rapariga.

Também pretende melhor da eficácia do processo de ensino e aprendizagem, que se traduzirão na reforma do sistema de educação, conclusão da reforma curricular, assim como desenvolvimento dos sistemas de controlo de qualidade da educação.

Fonte: ANGOP

 
2292
Loading. Please wait...

Fotos popular