Pravda.ru

Notícias » CPLP


Um acampamento de refugiados chamado Brasil

18.11.2008 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Professor Ricardo Bergamini

1 - Em 2006, as 764 maiores empresas industriais (com 1.000 ou mais pessoas ocupadas) representavam 0,5% do universo de 155.057 em atividade e concentravam 60% do valor da transformação industrial (Fonte IBGE).

2 - Em 2006 78,73% do PIB brasileiro foram provenientes de apenas 8 das 27 unidades da federação: SP, RJ, MG, RS, PR, BA, SC e DF (Fonte IBGE).

3 – Com base em setembro de 2008, cabe destacar ter o Tesouro Nacional haveres de R$ 443,6 bilhões junto aos Estados e Municípios, sendo que os 5 estados ditos mais ricos da federação devem 73,90% da referida dívida, como segue: SP (41,34%) - MG (11,41%) - RJ (10,37%) - RS (7,64%) - PR (3,14%). Cabe lembrar que essa dívida é subsidiada pelo governo federal com juros de 6,50% ao ano e prazo de 360 meses para pagamento, enquanto o governo federal paga 13,30% ao ano de juros para carregar a sua dívida, com prazo médio de pagamento de 42,78 meses. (Fonte STN).

4 - Em 2006 o Distrito Federal continua tendo o maior PIB per capita (R$ 37.600), quase o triplo da média nacional (R$ 12.688) e bem à frente de SP (R$ 19.548) e RJ (R$ 17.695) (Fonte IBGE).

5 - A Amazônia é a região compreendida pela bacia do rio Amazonas, a mais extensa do planeta, formada por 25.000 km de rios navegáveis, em cerca de 6.900.000 km2, dos quais aproximadamente 3.800.000 km2 estão no Brasil. Já a Amazônia Legal, estabelecida no artigo 2 da lei nº 5.173, de outubro de 1966, abrange os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins, parte do Maranhão e cinco municípios de Goiás. Ela representa 59% do território brasileiro, distribuído por 775 municípios, onde viviam em 2000, segundo o Censo Demográfico, 20,3 milhões de pessoas (12,32% da população nacional), sendo que 68,9% desse contingente em zona urbana (Fonte IBGE).

6 - 77,65% dos gastos com pessoal da União (civis e militares) se concentram no Distrito Federal (59,62%), e no Rio de Janeiro (18,03%). Apenas 3,52% dos gastos com pessoal da União (civis e militares) se concentram em 10 estados da Amazônia acima citados (Fonte STN).

7 - Gastos com pessoal militar das Forças Armadas: 38,07% com ativos e 61,93% com inativos (reserva, reforma e pensão) (Fonte STN).

8 - De janeiro de 2003 até setembro de 2008 o Gabinete da Presidência da Republica gastou (R$ 12,8 bilhões), mais do que com os seguintes Ministérios: Indústria e Comércio (R$ 9,2 bilhões); Relações Exteriores (R$ 8,9 bilhões); Comunicações (R$ 6,8 bilhões) e Meio-Ambiente (R$ 6,6 bilhões) (Fonte STN).

9 - Com base nos números conhecidos no mês de Setembro de 2008, comparando com dezembro de 2002, houve aumento do efetivo da ordem 324.573 servidores: Legislativo - 4.739; Judiciário -10.523; Executivo Militar - 174.092 recrutas; Executivo Civil - 119.407 e Ex-territórios e DF de 15.812 (Fonte STN).

10 - O manicômio tributário brasileiro é altamente concentrador de renda, senão vejamos: apenas 34,75% da carga tributária da União são oriundas das Receitas Tributárias (qualitativas – incidem somente sobre a renda e o lucro), os 65,25% restantes são oriundas das Receitas de Contribuições (quantitativas – incidem, direta ou indiretamente, sobre todos os brasileiros de forma eqüitativa – sejam milionários ou miseráveis) (Fonte STN).

* O autor é professor de economia.

Ricardo Bergamini

ricoberga@terra.com.br
rbfln@terra.com.br
http://paginas.terra.com.br/noticias/ricardobergamini

 
3778
Loading. Please wait...

Fotos popular