Author`s name Timothy Bancroft-Hinchey

Conrado Paulino – Virtuoso do violão da EMESP dando aulas na Escola Universitária de Música em Montevidéu

O conhecido violonista, arranjador, compositor e Professor da Escola de Música do Estado de São Paulo (EMESP), Conrado Paulino retorna em Montevidéu em mais um inverno dando aulas na Escola Universitária de Música de 6 á 9 de Julho, encerrando sua viagem num espetáculo na Segunda 12 de Julho ás 21 h no Museu do Vinho.

Todos aqueles que tivéramos o privilégio de ouvi-lo num show e bem mais nestes dias que vem acontecendo o Mundial de Futebol África do Sul 2010, poderíamos confirmar que trata-se do craque da camisa dez da música, aquele que espalha virtuosismo pelo palco todo, que segura as melodias com as travas da chuteira aclamando o agito do rival na procura de uma virada que jamais vai conseguir e logo longe, muito distante da grande área aponta com extrema precisão colocando a bola sempre fora do alcance do guardião.

Quanto ao curso de aperfeiçoamento oferecido pelo Prof. Conrado Paulino, vai ocorrer da Terça 6 até Sexta 9 de Julho, na Escola Universitária de Música de Montevidéu, sediada na principal avenida da capital, Av. 18 de Julho 1772, no antigo prédio do Liceu Francês, do lado da Biblioteca Nacional.

Maiores informações, se contatar com o Professor Mauro Marasco, Coordenador do evento no telefone ++ 598 2 403 6440 – Ramais 111 e 112 ou mergulhando no site da Escola, www.eumus.edu.uy

O curso intitula-se: «Improvisação para violonistas clássicos – Teórico, Técnico e Criação» acontecendo das 10:30 até meio-dia e meia e das 14 ás 17 h na Sala 014 da Faculdade das Artes. É bom salientar que a Escola Universitária de Música pertence á Universidade da República e desenvolve um projeto conhecido como «Educação Permanente». Serão 20 horas de cursos.

A seguir apresenta-se um resumo da carreira profissional do Professor Conrado Paulino que reflete a valia de nosso destaque de hoje.

Conrado acompanhou vários artistas de expressão da MPB como Rosa Passos, Alaíde Costa, Johnny Alf, Sueli Costa e Alzira Espíndola. Como instrumentista, tocou junto com o Zimbo Trio, Paulinho Nogueira, Heraldo do Monte, Hector Costita, Luiz Chaves, Filó Machado, Nenê e Vinicius Dorin, entre outros.


Escreveu vários arranjos para a cantora Alaíde Costa; fez os arranjos para o show “De Costa a Costa”, com Alaíde e a compositora Sueli Costa - apresentado no Teatro Popular do Sesi - e para o espetáculo “Boteco do Cabral homenageia Maysa”, do jornalista e escritor Sergio Cabral, interpretado por Alaíde Costa e Alzira Espíndola. Escreveu também os arranjos do CD “Apanhado”, da cantora Márcia Mah. Apresentou-se em diversas cidades do Brasil, tanto como solista como junto com seu grupo. Realizou também concertos na Argentina e no Uruguai.
Participou de vários Festivais, entre eles a 12ª edição do BarranquiJazz (Barranquilla, Colômbia, evento que c

ontava com artistas como Ron Carter e Arturo Sandoval), o XII Festival Guitarras del Mundo da Argentina, fazendo concertos em seis cidades, o 8° Festival de Música de Itajaí (junto com Edu Lobo, Ed Motta, Vanessa da Mata, Alceu Valença e Ney Matogrosso), o I° Festival Acústico-IVT de Violão, junto com Ulisses Rocha e Chico Pinheiro, o XII Festival Internacional do Violão Dilermando Reis (do qual participaram também Toninho Horta, Paul Galbraith e Duofel) , o Iº Festival Historia da Guitarra (que incluia a Helio Delmiro e Heraldo do Monte), o III Encontro de Cordas na Mantiqueira e a Mostra Toque de Mestre do CCSP.

Professor de trajetória reconhecida, ministrou cursos de violão, improvisação e harmonia em vários Festivais - entre eles o Festival de Música de Itajaí (SC) e o Festival Música na Ibiapaba no Estado de Ceará - e foi professor de diversos músicos que ganharam notoriedade, como Chico César, Nuno Mindelis, Tomati, Camilo Carrara, Fernando Corrêa (Orquestra Jazz Sinfônica), Sergio Carvalho (Djavan), Danilo Penteado (4X0), Emerson de Paula (Leci Brandão, Fundo de Quintal), Roberto Gomes (Fafá de Belém, colunista da GuitarPlayer), Franco (Rick e Renner, Daniel) e Lancaster.
Realizou Workshops e Master Class nas principais escolas do país (ULM, EMT, Souza Lima/Berklee, CLAM), em várias cidades brasileiras, entre elas Arapiraca (AL), Viçosa (Ceará), Itajaí (Santa Catarina), Sorocaba, Amparo e Orlândia (São Paulo), além de Master Classes nas cidades de Buenos Aires e La Plata (Argentina) e Montevidéu (Uruguai).


É autor de dezenas de artigos e lições publicadas pelos meios especializados como as revistas Acústico, Violão PRO, Guitar Class e Guitar Player, da qual foi editor técnico e colunista.


Conrado Paulino tem também cinco métodos publicados, distribuídos a nível nacional pela HMP Editora.
Atualmente, apresenta seu trabalho como solista e com o seu Quarteto, é colunista da revista Violão PRO , membro da IAJE (International Association for Jazz Education) e professor da EMESP (Escola de Música do Estado de São Paulo, ex-ULM), onde ministra os cursos de Violão, Guitarra e Harmonia.

Referencias sobre o artista e seu grupo:
Para todos aqueles que ainda não conhecem o Professor Conrado Paulino, poderão verificar os dados por nós oferecidos nos sites á seguir.

www.allaboutjazz.com(EUA) - www.clubedejazz.com.br - www.ejazz.com.br - www.portaldojazz.com - www.iaje.org (EUA) - www.musicabrasileira.org (EUA) - www.bossa.net (Japão) - www.guitaronline.it (Itália) - www.florencia.exblog.jp (Japão) - www.musicfrombrazil.com.br - www.musicexpress.com.br - www.takioto.com/acogui (Japão) - www.brasilpandeiro.com.br - www.digestivocultural.com - www.guitarplayer.com.br - www.clamzimbo.com.br/conradopaulino.htm - www.musicadomundo.com.br - www.taringa.net (Argentina)

Na hora de acrescentar ainda maiores informações é importante refletir os comentários de muitos famosos envolvidos com o ambiente da música.

Essas são algumas das opiniões de quem entende do riscado sobre o trabalho do violonista, arranjador e compositor Conrado Paulino. Seu estilo é marcado pela sua moderna linguagem harmônica e pelo equilíbrio entre o virtuosismo e a sensibilidade, unindo com originalidade o repertório musical brasileiro, a linguagem jazzística e a técnica do violão clássico
Conrado realiza um sério trabalho de escolha, resgate e recriação de temas e autores da MPB e intercala estas produções com músicas de sua autoria, atuando como solista ou com seu grupo, o Conrado Paulino Quarteto.
O seu CD “Quarteto", lançado em 2005 pela Tratore, teve ótima acolhida nos meios especializados e figura no catálogo dos principais sites de venda de música dos Estados Unidos, Europa e Japão.

"...é como se Joe Pass encontrasse Baden Powell..." Fábio Carrilho, revista Violão PRO

"Conrado toca aquelas coisas dificílimas com tanta facilidade, que nos dá a errônea impressão de que somos capazes de fazer igual... é uma aula de técnica e bom gosto..." Roberto Menescal

" ...Sofisticação, bom gosto, musicalidade e talento marcam o estilo de Conrado, que revela toda a beleza instrumental da música brasileira...” David Hepner, Guitar Player Magazine
"...os arranjos são maravilhosos...bons guitarristas existem muitos, mas capazes de apresentar um CD como este, são poucos..." Shinji Onodera, site Today´s Frontier (Japão)

"...un trabajo muy fino y muy equilibrado, excento de virtuosismos baratos, es un verdadero trabajo de equipo, todos músicos de primer orden, y que en su momento tienen oportunidad de lucir. La música misma habla por sí sola." Carlos Berumem, Radio Universidad (Universidad Autonoma de Chihuahua), Mexico
”...uno de los guitarristas más virtuosos que ha gestado la moderna escena del bossa nova brasilero...” R. Rodriguez Vivez, Diario El Heraldo, Colômbia

“A receita da música de Conrado Paulino é simples, mas realizada com perfeição: ele mantém uma levada brasileira mas cria uma roupagem harmônica complexa, criativa, colorida, cheia de informação na condução inusitada das vozes internas...as suas composições são muito finas e atraentes e alguns dos seus arranjos, especialmente de Chico Buarque, são versões de referência" Fábio Zanon, no programa "Violão" da FM Cultura de São Paulo.

O Sr Miguel Etchandy, proprietário da Boutique, Cava e Vinhos «Museu do Vinho» confirmou para o PRAVDA que o show de despedida da temporada 2010 do Professor Conrado Paulino em Montevidéu vai acontecer no seu Barzinho aconchegante na Seg. 12 de Julho ás 21 h na Rua Maldonado 1150 com a travessa Héctor Gutiérrez Ruiz na divisa dos bairros Sul e Palermo, do lado do centro de Montevidéu, com cheirinho dos tamboris e as baquetas da raça negra uruguaia.

Sendo que o site vai ficar ativado daqui a pouco ( www.museodelvino.com.uy ) - pode participar do evento ligando para o ++ 598 2 336 8622 (a partir do dia 1º de Julho, acrescenta mais um 2 na frente do 336).

O site oficial do Professor Conrado Paulino detalha-se á seguir: www.conradopaulino.com.br

Correspondente PRAVDA.ru

Gustavo Espiñeira

Montevidéu – Uruguai