Author`s name Timothy Bancroft-Hinchey

Aurora boreal de um cometa revelada pela primeira vez

Aurora boreal de um cometa revelada pela primeira vez

Washington, 22 de setembro (Prensa Latina) O cometa 67P/Churiumov-Gerasimenko tem sua própria aurora boreal, registrada por instrumentos da Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço (NASA) dos Estados Unidos a bordo de uma missão europeia, informou hoje a emissora de televisão CNN.

 

A descoberta foi feita pela missão Rosetta da Agência Espacial Europeia (ESA), lançada em março de 2004 com o objetivo de investigar a composição e características deste cometa, que pode fornecer informações sobre a formação do sistema solar.

A descoberta, primeiro capturada fora de outros planetas ou de uma lua, foi publicada na revista Nature Astronomy e compartilhada pela NASA.

As auras ultravioleta são comuns nos pólos da Terra, também foram vistas em Júpiter, nas luas de Saturno, Urano e Marte, mas nunca foram registradas em um cometa.

A Rosetta orbitou em torno de 67P/Churiumov-Gerasimenko durante 2014 e 2015, e enviou uma sonda Philae para sua superfície.

Em 30 de setembro de 2016, a espaçonave fez sua última manobra de descida para colidir com o cometa, o que lhe permitiu estudar o ambiente de gás, poeira e plasma mais próximo da superfície do cometa, bem como capturar imagens em alta resolução.

mem/mml/jcfl

 

 

https://www.prensalatina.com.br/index.php?o=rn&id=34379&SEO=aurora-boreal-de-um-cometa-revelada-pela-primeira-vez

 

mundo