Author`s name Timothy Bancroft-Hinchey

Esquerda européia reafirma repúdio ao Tratado de Lisboa

Esquerda européia reafirma repúdio ao Tratado de Lisboa

Bruxelas, 18 dez (Prensa Latina) O Grupo Confederal da Esquerda Unitária Européia/Esquerda Verde Nórdica (GUE-NGL) condenou hoje o Tratado de Lisboa, a 10 anos de sua entrada em vigor, por considerá-lo prejudicial para as pessoas e para a Terra.

 

Como há uma década, o Grupo se opôs ao texto que regula o funcionamento da União Européia (UE) com seis argumentos: anti-democrático, traição aos trabalhadores, privatização de serviços públicos, aumento da despesa militar, abandono da justiça global e indiferença com a crise climática.

Para a esquerda, não há possibilidade de remodelar a UE, de reconstruir vínculos mais estreitos com os cidadãos, sem romper os tratados tal como estão.

Estas regras obsoletas devem ser revisadas com um novo marco estabelecido que seja adequado para o século XXI, exigiu a co-presidenta do GUE-NGL Manon Aubry.

No texto, recordou que o Tratado foi repudiado na França, Países Baixos e Irlanda, 'mas líderes da UE estavam ansiosos demais para ignorar as preocupações generalizadas entre os cidadãos sobre afastar o poder político deles'.

Em referência a seu impacto nos trabalhadores, denunciou que foi um veículo para acelerar o processo de redução de salários e aumentar a queda para o fundo, levando o projeto europeu mais longe em uma direção neoliberal e de livre mercado.

Já os líderes da UE elogiaram o Tratado como uma forma de avançar na construção da paz, da verdade, marcando o começo de uma nova onda de compra de armas, argumentou Aubry.

Também explicou que o tratado outorgou mais poderes à Comissão Européia para iniciar acordos neoliberais de livre comércio, com um impacto prejudicial sobre as pessoas mais pobres do mundo.

Os líderes do bloco comunitário comemoraram no dia 1 de dezembro o décimo aniversário do texto que substituiu a Constituição para a Europa, com a intenção de preservar 'um tesouro de paz, direitos e liberdades'.

mgt/lla/jp/gdc

https://www.prensalatina.com.br/index.php?o=rn&id=27950&SEO=esquerda-europeia-reafirma-repudio-ao-tratado-de-lisboa