Author`s name Timothy Bancroft-Hinchey

As peripécias dos 'podres poderes' para tirar Lula da disputa em 2018

Os podres poderes têm que atacar Lula de todas as maneiras, lhe tirar o sono e torcer pela volta de alguma doença que tire sua vida, já que safadamente não conseguem uma única prova para prendê-lo, e deixá-lo solto é vê-lo novamente presidente, o que representa para os seus algozes, como Moro, aquele procurador maluco, e os protetores do Aécio, motivo de pesadelos diante da possível volta do metalúrgico à presidência.

Valter Xéu*

Sabe a bandidagem que se instalou no poder com apoio logístico lá de fora, e que conseguiu unir os quatro podres poderes para dinamitar o Partido dos Trabalhadores e suas principais lideranças, que Lula presidente, apesar do seu caráter conciliador, o povo brasileiro não o deixaria fazer qualquer tipo de alianças com esses espúrios pilantras traidores da pátria, que estão a fazer de tudo para retroceder o país à época do atraso, pois assim ficaria mais fácil, ainda, manobrar uma massa que já se encontra completamente imbecilizada e que, ao menor sinal de avante, produzido pela Globo e as congêneres, vão às ruas protestar contra o que não sabe e não entende, e aí está o resultado de tudo isso, onde os paneleiros por vergonha ou por cumplicidade estão escondidos, mas que podem aparecer e para isso basta um chamado.

O golpe, apesar dos prejuízos que estão a causar ao país, com a entrega de nossas empresas a preço vil, a empresas estrangeiras, como foi o caso da negociata do pré-sal com uma empresa francesa e que a mídia de lá disse ter sido o maior negócio da China, para uma empresa francesa.

Ganhou a empresa e com certeza que ganhou também quem lhe vendeu uma riqueza nacional. Então, esses filhos da pátria, todos eles temem a volta do Lula, pois sabe desde já que não terão refresco em relação aos crimes que cometeram, e a estratégia é minar o líder petista de todas as formas, onde já eliminaram a sua companheira de décadas, devem voltar à carga contra um dos filhos qualquer com acusações estapafúrdias, como no caso das zelotes, em que as principais cabeças são os barões da mídia e empresas, mas que safadamente foram retirados do foco das investigações e centraram fogo no filho do Lula, que não deixa também de ser uma maneira de atingir o pai.

Então, o Janot que deveria ser chamado de abafador geral das denúncias contra o seu conterrâneo Aécio, luta desesperadamente com seus auxiliares para impedir a volta daquele que ele sabe que não lhe dará refresco, caso volte a ocupar o Palácio do Planalto. A coisa esta tão escancarada que tanto Moro, como Gilmar Mendes e Janot já não se incomodam de se encontrar nos rega-bofes diários da corte com acusados nas diversas delações e posam até para fotografias como as que publicamos acima. E ainda tem um dando de FDP (Filhos da pátria) que jura que o que aconteceu aqui não foi um golpe, mas sim a derrubada de uma presidente que cometeu algumas pedaladas, coisa que o seu usurpador Temer vem fazendo descaradamente, e a mídia mais os outros podres poderes nem tchum. Ai se eu pudesse fazer aqui o que certo barbudo fez em uma ilha caribenha, nos idos de 1959. Ai se eu pudesse!

*Valter Xéu é jornalista, diretor e editor de Pátria Latina e Irã News, faz parte do conselho editorial do Palestina Libération,  colabora com Pars Today, Pravda e publicações diversas.