Author`s name Timothy Bancroft-Hinchey

Tecno Têxtil e Seritex 2010

Uma das quatro feiras têxteis organizadas pelo Grupo FCEM de Porto Alegre está jogando a bola-ao-alto á partir da Terça 4 de maio no decorrer de quatro dias no Centro de Convenções de Goiânia. Completam a artilharia FCEM, Febratex 2010 (a maior feira de maquinaria têxtil da América Latina) em agosto próximo em Blumenau, Tecno Têxtil São Paulo e Maquintex em Fortaleza, as duas em 2011.

Tendo como referência continental a feira bienal FEBRATEX de Blumenau no Centro de Exposições Vila Germânica (antigo Proeb), o Diretor Presidente da FCEM, Sr. Hélvio Roberto Pompeo Madeira, tem desenvolvido mais três feiras do segmento nos outros pólos têxteis do Brasil tentando que o sucesso ímpar do ícone blumenauense seja xerocado no país inteiro. Fica claro, ele acabou conseguindo o tal sucesso por incrível que pareça desde as primeiras edições dos três eventos por várias razões.

Encontrar o par nesse negocio das parcerias é extremamente importante sendo que a FCEM confirmou mais uma aliança com a Diretora da feira EMITEX e da revista Mundo Textil de Buenos Aires, Sra. Andrea Lippi que vai visitar Febratex 2010, divulgando-a no decorrer da feira portenha que acontece quase em paralelo com a Tecno Têxtil – Seritex de Goiânia no início de maio.

Quanto tem a ver com parcerias, repete-se uma outra fundamental pois atinge a grandíssima maioria dos contatos dos países da Cordilheira dos Andes e da América Central que nem sempre descem até as feiras do Brasil e da Argentina, como pólos de feiras seja quais forem os segmentos. Trata-se da Feira TECNO TEXTIL PERU, que acontece no Centro de Convenções do Jockey Plaza perto do requintado bairro «La Molina» de Lima. Nesse caso a aliança foi confirmada com o senhor Adrián Gechelín, Gerente Comercial do evento a senhora Luisa A. Mesones, Gerente General.

Uma outra parceria ótima que continua acontecendo faz algumas edições ocorre com a revista argentina MULTISERVICIOS, sob a chefia do Diretor Jorge Cristina, que nesta oportunidade, vai divulgar Tecno Têxtil – Seritex 2010 e Febratex 2010 no estande que possui na feira EMITEX de Buenos Aires nos próximos dias, colocando um espaço do estande próprio ao dispor dos banners da FCEM e as feiras que organiza no segmento têxtil.

Sempre na vanguarda no continente, o Diretor de Marketing da FCEM, Hélvio Roberto Pompeo Madeira Júnior, tem organizado o Brasil Fashion Designers em paralelo com o próprio evento, cativando desse jeito ao resto do pessoal envolvido no ambiente, encerrando o circuito têxtil e dando-lhe oportunidades aos novos criadores do Estado de Goiás que completam a rede produtiva do setor. A final do concurso está prevista para acontecer o primeiro dia da feira – quatro de maio -, no Teatro Rio Vermelho. Aliás, abre as portas mais uma ilha dentro da própria feira, com a Expo Laundry, acompanhando as tendências dos maiores eventos têxteis do mundo.

Após o grande sucesso da primeira versão da Tecno Têxtil e Seritex, a FCEM – Feiras, Congressos e Empreendimentos – empresa gaúcha com mais de dezesseis anos no ramo das feiras, leva de volta a Goiânia as feiras que já estão fazendo história no Centro Oeste Brasileiro.

As maiores empresas nacionais e estrangeiras já têm encontro marcado no quarto pólo têxtil do Brasil, com acima de 200 marcas apresentando tendências, novidades tecnológicas e gerando negócios para toda a cadeia.

Tentando continuar dando-lhe brilho a cada dia mais ao evento, aposta-se em um novo segmento: TECELAGEM, reunindo tecidos, malharia, cama, mesa e banho, beneficiamento e publicações específicas desta que é uma das principais áreas da indústria têxtil brasileira.

Como vem acontecendo nos últimos eventos têxteis organizados pela FCEM, a ABTT (Associação Brasileira de Técnicos Têxteis), organizam-se palestras e painéis focados nas novas tecnologias, novos conhecimentos e as últimas novidades na área técnica têxtil. As palestras vão ser gratuitas ocorrendo em paralelo á feira.

O setor têxtil e de confecção nacional, que compreende mais de 30 mil empresas e gera 1,65 milhão de empregos em toda a sua extensa cadeia, que inclui fios, fibras, tecelagens e confecções.

O Brasil está na lista dos dez principais mercados mundiais da indústria têxtil, bem como entre os maiores parques fabris do planeta; é o segundo principal fornecedor de índigo e o terceiro de malha, está entre os cinco principais países produtores de confecção e é hoje um dos oito grandes mercados de fios, filamentos e tecidos.

O setor têxtil é responsável por uma produção, entre fibras e multifilamentos artificiais e sintéticos, superior a 380 mil toneladas/ano, que representam cerca de 40% do consumo industrial do país. Deste total, cerca de 10% foram utilizados para exportação. Esta produção resulta em um faturamento anual de US$ 1,06 bilhão e gera empregos diretos para cerca de 9.000 pessoas.

Desde o final da década de 1960 são produzidas no Brasil, praticamente, todos os tipos de fibras sintéticas (poliamida, poliéster, acrílico, elastoméricas e olefínicas) com nível de qualidade, para uma considerável parcela dessas fibras, comparável ás disponíveis no mercado internacional, o que também, atualmente, vem acontecendo com os seus preços.

Quanto ao mercado textil goiano, Goiás é quarto maior pólo têxtil do Brasil, reúne aproximadamente 5 mil indústriaseemprega 31 mil pessoas, além de gerar 60 mil postos de trabalho indiretos. São cerca de 100 mil pessoas envolvidas direta ou indiretamente neste mercado. Sem dúvida, uma oportunidade única para apresentar seu produto para um público seleto de importante atuação no ramo da indústria têxtil nacional. Os principais pólos têxteis de Goiás são: Goiânia, Trindade, Aparecida de Goiânia, Jaraguá, Catalão, Morrinhos, Rio Verde, Jataí, Inhumas, Caldas Novas, Anápolis, Gionésia e São Francisco.

5% das empresas do Estado se enquadram como empresas de médio porte, ou seja, são 126 confecções. Destas apenas 12 (0,4%) utilizam o programa Produzir/Fomentar sendo que 1.502 não possuem nenhum tipo de incentivo fiscal.

20.797 são os empregos formais com carteira assinada gerados pelas confecções goianas, com uma variação de 1,13% em 2007 segundo dados do Caged/MTE. Aliás, 95% da produção goiana é exportada para outros Estados da Federação.

Por enquanto, o 100% dos tecidos utilizados em Goiás são importados de Estados como São Paulo, Santa Catarina, Minas Gerais e Ceará.

2,72% é a participação das confecções goianas no PIB Têxtil Nacional de U$S 33 bilhões ao ano.

Quanto aos dados estadísticos, as fontes utlizadas são: Abrafas, ABIT e Agicon.

A sede da feira Tecno Têxtil e Seritex 2010 é o palco por excelencia dos grandes eventos nacionais e internacionais do Estado. Classificado como um dos mais modernos e completos da América Latina, possui uma área total de 51.080,66 m² e pavilhões com área total de 9.084 m² que incluem cabeamento telefônico e estacionamento com mais de 800 vagas. Além disso, está localizado no centro de Goiânia, cercado por inúmeras opções de gastronomia, hospedagem e lazer.

O Seminário tecnológico que vai ocorrer no decorrer dos días que abrange a feira, foca-se nos assuntos á seguir: as fibras e suas vocações, regeneração de resíduos e aparas e suas posteriores aplicações, técnicas de modelagens, técnicas de serigrafia, serviços de lavanderias, discussões sobre automações, aviamentos e varejos.

A feira Tecno Têxtil abrange os segmentos que detalham-se á seguir: automação industrial, Beneficiamento, aviamentos, bordadeiras, engomagem, estampas, fios, informática, máquinas de costura, máquinas de corte, matérias-primas, modelagem, passadoria, preparação, química, revistas técnicas, teares, tingimento. Quanto á feira Seritex 2010, carrosséis, emulsões, estampagem, estufas, flocagem, gravadoras, impressoras têxteis digitais, impressoras serigráficas, quadros de gravação, máquinas e equipamentos, prensas térmicas, produtos químicos, revistas técnicas, secadoras, suprimentos, tintas, tecidos, transfers,

A Assessoria de imprensa das feiras FCEM continua por conta da Leed – Inteligência e Soluções em Comunicação – que além de grandes profissionais desenvolvendo essa tarefa, trata-se de amigas. Obrigado pelo apoio a cada oportunidade, Marioni Auler, Edith Auler e Letícia Souza.

O JORNAL PRAVDA mais uma vez na feira Tecno Têxtil e Seritex 2010 convidado pela organizadora do evento. FCEM – Feiras, Congressos e Empreendimentos, com matriz em Porto Alegre e filiais no Brasil.

Fotos:

1 – Diretor Presidente da FCEM, Hélvio Roberto Pompeo Madeira, perante o microfone da Tevê O Povo de Fortaleza – Ceará (Maquintex 2009).

2 – Diretor de Marketinga da FCEM – Hélvio Roberto Pompeo Madeira Júnior.

Alguns sites de interesse para os nossos leitores:

Grupo FCEM do Brasil – www.fcem.com.br

Feira Tecno Têxtil Goiânia 2010 - www.feiratecnotextil.com.br

Leed Comunicação - www.leedcomunicacao.com.br

Asociação Brasileira de Técnicos Têxteis - www.abtt.org.br

Feira Emitex – Argentina – www.emitex.com.ar

Feira Tecnotextil Perú – www.tecnotextilperu.com

Revista Multiservicios – Argentina – www.multiservicios.com.ar

Gustavo Espiñeira

Correspondente PRAVDA.ru

Montevidéu – Uruguai