Pravda.ru

Sociedade » Incidentes

Bullying

20.09.2007
 
Bullying

Todo dia 19, nós lembramos o caso Escola Estadual Octacílio de Carvalho Lopes: professor que foi acusado de espancar, promover o bullying e chamar um aluno de bicha, dentro da sala de aula.

Lembramos que esse professor teve, como única punição, uma "advertência"... mas foi transferido da escola Escola Estadual Octacílio de Carvalho Lopes(Zona Leste de SP), onde cometeu o delito, para a escola estadual Adelaide Ferraz de Oliveira (também na zona leste). Nessa escola, o professor foi efetivado e promovido a Coordenador Pedagógico. Bullying é um termo inglês para as sistemáticas agressões físicas ou morais (inclui humilhações) praticadas contra alunos nas escolas.


A Diretoria de Ensino Leste 4, que avaliou como normal o professor chamar aluno de bicha, registrou o bullying e o espancamento nos documentos de Averiguação Preliminar (Processo nº 721/2004), mas ignorou completamente o direito dos alunos: não propôs uma sindicância para investigar e punir os responsáveis pelas violências.


Nenhuma instância, nem mesmo a Primeira Comissão Processante e nem o Secretário Chalita tiveram coragem de investigar ou punir um crime que é considerado hediondo.


O professor continua na Escola Estadual Adelaide Ferraz de Oliveira, garantido pela "igrejinha" que o protege, simbolizando a impunidade na escola pública de São Paulo.
Agora, o deputado estadual Paulo Barbosa (PSDB-SP), que na época era Secretário Adjunto da Secretaria Estadual de Educação (SEE), e fazia parte da panela, elabora um projeto contra o "bullying", que é crime se for cometido por aluno contra aluno... Mas, se as agressões físicas e morais forem cometidas por professor, a promoção é certa e garantida... e com as bênçãos de toda instância administrativa da Secretaria Estadual de Educação de SP.


Justo no próximo dia 19, a atual secretária de Educação estará na Assembléia Legislativa de SP, na Comissão de Educação - às 15h.


Vamos fazer a seguinte pergunta para a secretária Maria Helena Guimarães:


"O deputado Paulo Barbosa (PSDB-SP) quer punir o Bullying nas escolas públicas. Mas o projeto de lei nº só fala das agressões entre alunos... Será que as agressões físicas e morais praticadas por professores continuarão sendo permitidas nas escolas pública de SP? professor que xingar de 'bicha", humilhar e agredir moral ou fisicamente os alunos terá preferência para uma promoção na secretaria Estadual de Educação de SP?


O fato novo - no caso da EE Octacílio de Carvalho Lopes - é que temos uma nova secretária de educação...


Será que a secretária Maria Helena Guimarães vai compactuar com os sistemáticos desmandos da Secretaria Estadual de Educação de SP?


Será que ela vai continuara colocando "panos quentes" nos casos em que professores agridem física ou moralmente os alunos?


Será que a Maria Helena Guimarães vai apoiar a impunidade reinante nas escolas pública do Estado de São Paulo?


Se perguntar não ofende, vamos ver se a secretária Maria Helena Guimarães de Castro tem coragem de responder aos alunos, pais e comunidade.


Floriza Dias


Loading. Please wait...

Fotos popular