Pravda.ru

Sociedade » Incidentes

México: camponeses inconformados com o NAFTA

17.08.2017
 
México: camponeses inconformados com o NAFTA. 27136.jpeg

México: camponeses inconformados com o NAFTA

México, 14 ago (Prensa Latina) O Tratado de Livre Comércio da América do Norte (NAFTA) e sua renegociação agora continuará afetando o setor camponês mexicano por falta de competitividade com seus similares dos Estados Unidos, afirmam hoje especialistas do Movimento Social pela Terra.

Esta problemática que também prejudica as populações indígenas tem levado à pobreza milhares de pequenos produtores, motivo pelo qual eles exigem a eliminação do capítulo agropecuário no novo processo de negociações.

Beneciano González, da Organização Camponesa Emiliano Zapata, disse à Prensa Latina que estes convênios levam as populações rurais à miséria, enquanto as grandes indústrias processadoras pagam preços de miséria pelos produtos que reelaboram e exportam.

Estima-se que existem milhões de hectares de terras férteis que deixam de ser semeadas por carecer de apoio governamental e pela migração de pessoas em busca de melhores condições para viver.

Comentou que os filhos têm poucas ou nenhumas possibilidades trabalhistas quando conseguem uma profissão, alguns se formam em universidades, mas não voltam para trabalhar a terra.

Segundo a fonte cerca de 30 milhões de camponeses subsistem com menos de 50 por cento do valor da cesta básica.

A isto se une a grande migração permanente e eventual de mexicanos aos Estado Unidos, fundamentalmente de famílias em zonas rurais dos estados do norte e centro do país.

Alguns especialistas do setor agrário vêem desvantagens para a nação na renegociação com os Estados Unidos, porque buscam dar preferência a seus conterrâneos e ajustar ou impor barreiras alfandegárias às importações.

Instituições governamentais admitem que o NAFTA tem vantagens e desvantagens, mas não aceitam as exigências das organizações camponesas.

Isto indica que, na mesa de discussão, a ser celebrada neste mês entre os dois países, será levado o capítulo do Setor Agropecuário, em vigor desde 1994 entre México, Estados Unidos e Canadá, e o qual os camponeses pediram que fosse tirado da agenda.

Para a Secretaria de Agricultura, Pecuária, Desenvolvimento Rural, Pesca e Alimentação, a única alternativa é negociar e preparar o setor produtivo para enfrentar os restos que poderiam aparecer no caminho.

in

 


Loading. Please wait...

Fotos popular