Pravda.ru

Sociedade » Cultura

Festival de Teatro Lusófono

29.08.2008
 
Festival de Teatro Lusófono

O Teatro Fórum de Moura marca a sua presença no Festival de Teatro Lusófono , em Teresina - Piauí - Brasil, com as criações " O Esqueleto do Cozinheiro Akli" e "Magia Negra" . O Fest Luso fará um modo de circulação depois de Teresina em Salvador - Bahia. Dessa forma o Teatro Fórum de Moura, em conjunto com o grupo de Teatro de Pesquisa "Serpente" - Angola irão apresentar os seus trabalhos na cidade da Bahia - Estado de Salvador, no Espaço Xisto Bahia .

PROGRAMAÇÃO


Dia 1 – 10 horas
Debate sobre teatro nos países africanos

Dia 1 - 20 horas
Espetáculo Magia Negra – Teatro Forum de Moura – Moçambique e Portugal

É um karingana, um conto arrepiante, daqueles que se ouviam nos tempos em que os avós ainda contavam histórias à volta da fogueira. Magia negra é um mundo de feitiços e tabus, de sonhos e de pesadelos, de luz e de trevas, de contrastes e contradições, onde as forças do bem e do mal travam uma luta contínua. Enfim… Magia negra é um retrato antropológico da vida de uma das tribos mais poderosas do sul de África… os Ngunis.


Dia 2 e 3 – Das 09 as 12 horas
Oficina de teatro comunitário com a Companhia Teatro Fórum de Moura (Moçambique e Portugal)

Dia 2 e 3 – Das 14 as 17 horas
Oficina de teatro interpretação e danças africanas realizada pelo Grupo de Teatro de Pesquisa "Serpente" (Angola)

Espetáculos:

Dia 4 – 19 horas
Espetáculo O Esqueleto do Cozinheiro Akli – Teatro Forum de Moura – Moçambique/Portugal


É uma das histórias que compõem os Generosos de Abdelkader Alloula, o principal dinamizador do teatro Argelino após a independência. Akli, o cozinheiro da escola, decide doar seu esqueleto para ser usado nas aulas de Ciências Naturais após a sua morte. Menuar, o porteiro da escola e melhor amigo Akli, torna-se o fiel depositário do esqueleto pra ensinar anatomia aos alunos. Mas a aula não será apenas sobre ossos...


Dia 4 – 21 horas
Espetáculo Nojo - Grupo de Teatro de Pesquisa "Serpente" – Kixingangu – Angola


Um estrangeiro, iraquiano, trabalhador ilegal, antes da saída para os vários bares onde trabalha vendendo flores medita sobre a sua condição. Sobrevive ao seu presente, persegue o seu passado e prevê o seu futuro. Num jogo entre si e o seu espelho – o público. Jogo de medos e de revoltas, mas também de poesia e doces – amargas nostalgias. Ele previne-nos contra si mesmo e os seus semelhantes, ele é generoso e arrogante, amargo e afetivo. Ele joga ao dilema eterno do ser e do não – ser. Ele propõe-nos uma mútua projeção, lírica e pungente. Dos nossos temores mais arcaicos tornados vivos pela sua presença. Dos seus desejos e medos mais profundos personificados pela nossa branca pele e pela nossa "grande" civilização.Neste jogo dramático, joga-se ao prazer e à dor, que a ambiguidade da arte propõe, para nos fazer mergulhar numa noite de reflexão e sonho.


http://espacoxisto.blogspot.com/


Teatro Fórum de Moura - Associação

Mail: teatrofmoura@gmail.com


Loading. Please wait...

Fotos popular