Pravda.ru

Ciência

E.U.A.: Mais de 100 animais marinhos apareceram mortos

17.05.2010
 
E.U.A.: Mais de 100 animais marinhos apareceram mortos

Sete golfinhos e mais de 117 tartarugas apareceram mortos nas últimas duas semanas na costa de Louisiana, Mississippi, Flórida e Alabama. Embora não haja provas ainda que sejam relacionadas com o desastre Deepwater BP, a coincidência é muito grande.

Os cientistas ainda estão investigando a morte, tentando encontrar uma causa, uma vez que nenhum dos animais apresenta evidência visual como tendo sido mortos pelo derramamento gigantesco de petróleo que envia 1 milhão de litros de crude por dia no Golfo do México desde 20 de abril.


Dr. Mobi Solangi, Director do Instituto de Estudos de Mamíferos Marinhos, declarou à agência de notícias Reuters que "Não há dúvida de que o petróleo está no seu habitat", mas afirmou que "até agora não vimos nenhuma relação com as mortes d as tartarugas e dos golfinhos e o petróleo ".


Os animais marinhos começaram a aparecer dez dias após o início do vazamento, desde 30 de abril. Os resultados das necropsias devem ser entregues até ao final do mês.


Catástrofe Iminente?
Dr. Solangi também declarou em sua entrevista que os golfinhos podem agir como "um canário na mina de carvão" e dar aviso prévio para os seres humanos de uma catástrofe iminente. Eles também estão no topo da cadeia alimentar, então será este um sinal de que as tartarugas e os golfinhos tenham sido afetados, após consumir peixe contaminado?


No entanto, as autoridades não estão tirando conclusões precipitadas e ainda não estão ligando essas mortes definitivamente para o derramamento de petróleo, devido ao fato de que nesta época do ano golfinhos e tartarugas costumam aparecer nas praias, e devido também ao fato de que alguns destes animais apresentaram sinais de doença crônica.


Por outro lado, se o derramamento de crude provar ser a causa, poderia ser a ponta do iceberg, especialmente para a tartaruga, pois as cinco espécies de tartarugas marinhas que habitam esta área são todas espécies ameaçadas de extinção.


Fonte: Reuters
Fátima Chantre
PRAVDA.Ru


Loading. Please wait...

Fotos popular