Pravda.ru

Federação Russa

Chechénia: Kadyrov vai demitir-se

16.09.2009
 
Chechénia: Kadyrov vai demitir-se

O Presidente da Chechénia, Ramzan Kadyrov, declarou que pretende demitir-se e leccionar sobre o Wahhabismo, extremismo e guerra. Este ex-combatente contra as forças russas mudou de rumo de vida, tornando-se Presidente da Chechénia e recebeu a condecoração Herói da Rússia em 2004.

Ramzan Kadyrov declarou hoje numa entrevista com Komsomolskaya Pravda que pretende demitir-se daqui a cinco anos, mais ou menos, quando a vida na sua república tornar-se normal e depois vai leccionar sobre Wahhabismo, extremismo e guerra.

Em 1994-1996 combateu contra as forças armadas russas juntamente com seus irmãos e pai, o falecido ex-Presidente da Chechénia Akhmad Kadyrov. Em 2004, recebeu de Vladimir Putin a condecoração Herói da Rússia. Declarou na entrevista que “O problema com o Wahhabismo é um problema para toda a Rússia. Para terminar com os Wahhabis no Cáucaso Norte, precisamos de cooperar não só com Daguestão, Ingushétia e outras repúblicas na área, porque também há Wahhabis em Tartarstão e Moscovo mas estão quietos”.

O Wahhabismo é uma forma extremista e intolerante do Islão.

Ivan PODGORNY


Loading. Please wait...

Fotos popular