Pravda.ru

Federação Russa

Versão portuguesa faz dez anos

14.09.2012
 
Versão portuguesa faz dez anos. 17278.jpeg

Parece que foi ontem mas já lá vão dez anos desde que a versão portuguesa da Pravda.Ru apareceu no dia 14 de Setembro de 2002. A resposta dos leitores tem-me comovido, pois receberam o projecto com amor, com entusiasmo e acima de tudo, boa vontade. O resultado disso é um jornal electrónico com singulares características, nenhuma delas fruto do meu trabalho e empenho mas sim, devido ao calor com que os leitores e contribuidores abraçam Pravda.Ru em português.

Eu gostaria de começar por dizer obrigado, do coração, para todos os colaboradores presentes e passados. Não dizer certos nomes parece uma injustiça mas são tantos ao longo destes dez anos que não seria possivel colocar tod@s. Vocês, e sabem quem são, construiram este jornal e é devido a vocês que conseguiu impor-se no mundo do jornalismo, sendo o único jornal russo em língua portuguesa, sendo um dos pioneiros de lusofonia por via electrónica, sendo um sítio onde toda a comunidade da CPLP está representada de forma egalitária.

A missão da versão portuguesa da Pravda.Ru é providenciar um jornal onde se pode ler notícias acerca da Federação Russa em português mas também discutir opiniões e assuntos da actualidade, sem medo de dizer a verdade ("pravda" em russo) como é, em vez de apresentar um pacote de notícias confortaveis de ler mas que segue os passos da mídia comprada. Nesta senda, tive a honra de encontrar muit@s amig@s e irmã/os pelo caminho, com quem celebrámos parcerias; tive a honra de conhecer os nossos correspondentes que tornam a versão portuguesa da Pravda.Ru um jornal para os leitores e de certa forma, um jornal escrita pelos seus leitores.

Sempre tentei dar espaço a aqueles que não são referidos ou considerados nos grandes meios de comunicação social e achei bem dar relevância a iniciativas que defendem direitos humanos, sejam estes os direitos da mulher, direitos da comunidade LGBT, direitos do trabalhador ou direitos dos oprimidos. Gostaria de sublinhar que a secção de comentários é absolutamente livre e todas as opiniões são bem-vindos. Há quem fale em liberdade de expressão mas o que importa é praticá-la.

Vou continuar a seguir os mesmos objectivos e nos próximos dez anos, queria conhecer mais leitores e colaboradores nos países de expressão portuguesa em África e em Timor Leste. Vamos continuar a publicitar eventos e iniciativas culturais gratuitamente e constituir uma ponte entre o mundo lusófono e a Federação Russa, sempre vestindo a camisola do grande jornal, PRAVDA, que representamos, jornal fundado e liderado pelo seu Presidente, Vadim Gorshenin e a Directora-Geral, Inna Novikova.

Foi uma honra estar convosco durante estes dez anos. Aprendi muito com os meus leitores e colaboradores e queria mais uma vez dizer um muito sincero e sentido obrigado, do fundo do meu coração. Um grande abraço de amizade para todos vós.

Versão portuguesa faz dez anos. 17279.jpeg

Timothy Bancroft-Hinchey
Pravda.Ru
Director e Chefe de Redacção
Versão portuguesa

 


Loading. Please wait...

Fotos popular