Pravda.ru

Federação Russa

Líder separatista checheno Shamil Basayev liquidado

10.07.2006
 
Líder separatista checheno Shamil Basayev liquidado

As Agências notíciárias da Rússia comunicam que o líder dos terroristas chechenos Shamil Basayev foi morto no resultado de uma operação especial realizada pelo Serviço Federal da Segurança (FSB) da Rússia na República da Ingúchia, uma região vizinha a Chechênia.


A fonte oficial do FSB confirma a informação.

Os terroristas matados junto com Basayev planejavam efetuar vários atos de terrorismo no decurso da Cúpula de G8 em São-Petersburgo, informou o diretor do FSB Nikolai Patruchev ao presidente Vladimir Putin.

Numa declaração que está a ser divulgada nos media russos, Putin é citado como tendo dito que a morte de Basayev é uma boa notícia, sobretudo pela participação do guerrilheiro em vários ataques terroristas, incluindo o da escola de Beslan.

"Essa é uma retribuição merecida contra os bandidos por nossas crianças em Beslan, em Budennovsk, por todos esses atos de terror que eles cometeram em Moscou e em outras regiões russas, incluindo a Ingúchia e a Chechênia", afirmou Putin.

As autoridades russas, que acusam Basayev de ter levado a cabo crimes contra a humanidade, ofereceram em 2004 uma recompensa de oito milhões de euros por informações que levassem à localização do líder rebelde.

Shamil Basayev de 51 anos, afirmou ter sido o responsável intelectual do ataque contra a escola de Béslan que acabou com a morte de 330 pessoas, entre elas 150 crianças, depois da intervenção da polícia russa.


Loading. Please wait...

Fotos popular