Pravda.ru

Mundo

Portugal: PS punido na eleição legislativa

27.09.2009
 
Portugal: PS punido na eleição legislativa

Apesar de ser o partido mais votado, o Partido Socialista (socialista só em nome, pois defende políticas da direita e age com uma arrogância autocrática que o alienou dos corações e mentes da maioria da população portuguesa) viu seu líder, o Primeiro-Ministro José Sócrates, punido na eleição legislativa de Domingo, perdendo a maioria absoluta que ele pediu.

2002

PPD/PSD (Sociais Democratas) 40.21% (2.200.765 votos)

PS (“Socialistas”) 37.79% (2.068.584)

CDS/PP (Conservadores) 8.72% (477.350)

CDU (PCP Comunistas e PEV Verdes) 6.94% (379.870)

BE (Bloco de Esquerda) 2.74% (149.966)

2005

PS (“Socialistas”) 45.03% (2.588.312)

PPD/PSD (Sociais Democratas) 28.77% (1.653.425 votos)

CDU (PCP Comunistas e PEV Verdes) 7.54% (433.369)

CDS/PP (Conservadores) 7.24% (416.415)

BE (Bloco de Esquerda) 6.35% (364.971)

2009 (Resultado preliminar)

PS (“Socialistas”) 36.56% (2.066.194)

PPD/PSD (Sociais Democratas) 29.08% (1.643.744 votos)

CDS/PP (Conservadores) 10.46% (591.234)

BE (Bloco de Esquerda) 9.85% (556.552)

CDU (PCP Comunistas e PEV Verdes) 7.89% (448.003)

Abstenção: c. 40%

Este resultado é um sinal claro que o eleitorado português decidiu punir o PS depois de 4 anos de arrogância e intimidação política, enquanto deu um sinal nítido que não confia no PPD/PSD, após décadas de governos alternando com o PS em que nada foi produzido a não ser indicadores sócio-económicas cada vez piores, apesar de rios de dinheiro a jorrarem pelas fronteiras dentro oriundo da União Europeia. Simultaneamente, a CDU (Comunistas e Verdes) aumentou ligeiramente sua taxa de votação, o Bloco de Esquerda aumentou a sua substancialmente e o CDS/PP de Paulo Portas, sensacionalista, conseguiu atrair o tipo de eleitorado sensível a campanhas sensacionalistas.

Previsão: Mais do mesmo. Mais desemprego, mais formados universitários a saírem do país, mais negócios para as escolas de línguas a treinar os jovens a fugirem o mais longe possível no menor espaço de tempo possível antes de Portugal bater no 27º lugar dos 27 países membros da U.E.

A ver, se o senhor engenheiro Sócrates amanhã pedir sacrifícios aos portugueses, que é isso que seu partido e o PPD/PSD pede ao eleitorado há 35 anos. Em troca de quê?

Timothy BANCROFT-HINCHEY

PRAVDA.Ru


Loading. Please wait...

Fotos popular