Pravda.ru

Mundo

Tibete: Violência faz 10 vítimas mortais

16.03.2008
 
Tibete: Violência faz 10 vítimas mortais

Em actos de vandalismo, hooliganismo e sabotagem, agents provocateurs e desordeiros semearam caos em Lhasa, capital do Tibete, na sexta-feira e sábado, causando pelo menos 10 mortos entre a população civil e dezenas de feridos. Panchen Lama denuncia violação dos princípios de Budismo.

Gyaincain Norbu, o 11º Panchen Lama, denunciou os desordeiros deste final de semana no Tibete, declarando que a violência era uma “violação do objectivo de Budismo” e que era contra os interesses da nação e do povo tibetano.

“Opomos veementemente as tentativas de dividir o país e minar a unidade étnica. Condenamos fortemente o crime de um pequeno número de pessoas, prejudicando as vidas e propriedades do povo,” disse no Domingo.

A polícia teve de intervir para salvar 580 pessoas, incluindo turistas, quando bandos de desordeiros semearam o pânico em Lhasa na sexta-feira. Dazag Dainzin Geleg, Vice-Presidente da Associação Budista da China no Tibete, disse, também no Domingo, que “uma mão cheia de monges budistas não estudaram as escrituras, não seguiram nossa guia religiosa mas ecoou o clique do Dalai Lama em esforços para dividir e minar a estabilidade no Tibete e na Ordem de Budismo”.

Konstantin KODENETS

PRAVDA.Ru


Loading. Please wait...

Fotos popular