Pravda.ru

Mundo

Chávez: Vamos Institucionalizar UNASUL

12.05.2010
 
Chávez: Vamos Institucionalizar UNASUL

Hugo Chávez, o Presidente da Venezuela, pediu para a institucionalização do Mercado Comum Latino-Americano (UNASUL) e advertiu que seus doze Estados-Membros devem ter em mente os compromissos assumidos para o Haiti.


Na sua coluna de domingo, o Presidente Hugo Chavez saudou a eleição de Nestor Kirchner (ex-presidente argentino e marido de sua atual presidente, Cristina Kirchner) como primeiro secretário-geral da UNASUL, na Cúpula de 04 de maio e pediu o seu fortalecimento e implementação.


Para Chávez, Nestor Kirchner é um membro da geração de líderes latino-americanos que personificam a mudança de estação neste continente. Congratulando-se com a oportunidade para a introspecção entre os 12 Estados-membros (Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai, Venezuela; Panamá e México têm o estatuto de observador), Hugo Chávez estabeleceu um prazo de duas semanas para UNASUL cumprir seu compromisso de fornecer os 100 milhões de dólares em fundos para a reconstrução do Haiti.


Hugo Chávez lembrou aos seus colegas que a UNASUL se comprometeu a fornecer 200 milhões de dólares em ajuda à reconstrução e que se tinham comprometido a fornecer US $ 80 milhões deste apoio até ao final de Março de 2010. Isso não se concretizou.

O Presidente venezuelano elogiou a forma como os líderes latino-americanos reuniram-se para apresentar uma frente unida impedindo Porfirio Lobo de representar Honduras na sessão plenária dos países da América Latina e Caribe com a União Européia em maio deste ano.


Ele também elogiou a postura tomada por unanimidade por esses países para condenar a lei racista no Arizona, E.U.A., que criminaliza os imigrantes, que ele descreveu como "um ataque real e verdadeiro sobre os direitos humanos".


Lembrando também que na Cúpula da UNASUL expressaram o seu apoio para a Argentina no seu exercício de soberania sobre as Ilhas Malvinas e a facilitação prevista para o Presidente paraguaio Fernando Lugo de combate à violência criminal em 5 estados do seu país, Hugo Chávez concluiu que a União de nações latino-americanas sai muito mais reforçada, já que os 12 Estados-membros começam a tomar medidas em conjunto.


Fonte: Prensa Latina
Juan Blanco
PRAVDA.Ru


Loading. Please wait...

Fotos popular