Pravda.ru

Desporto

Brasil: XI Jogos dos Povos Indígenas

23.04.2008
 
Brasil: XI Jogos dos Povos Indígenas

Documentário reforça Política Pública do Esporte e do Lazer para indígenas - Cerca de 100 representantes de diversas etnias brasileiras lotaram o auditório do Ministério da Cultura para prestigiar a estréia do documentário do XI Jogos dos Povos Indígenas. Os jogos, patrocinados pelo Ministério do Esporte, foram disputados por mil indígenas de 33 etnias, em Recife e Olinda (PE), no final do ano passado.

De homenageados a protagonistas e cinéfilos. Durante as atividades comemorativas à Semana do Dia do Índio, na capital federal, os indígenas foram, literalmente, ao cinema. Cerca de 100 representantes de diversas etnias brasileiras entre os povos Pareci, Wai-wai, Kaiapó e Gaviões lotaram o auditório do Ministério da Cultura para prestigiar a estréia do documentário do XI Jogos dos Povos Indígenas. Os jogos, patrocinados pelo Ministério do Esporte, foram disputados por mil indígenas de 33 etnias, em Recife e Olinda (PE), no final do ano passado.


Na noite do dia 19, na solenidade de lançamento do documentário com 40 minutos de duração, o Hino Nacional foi cantado pelo povo Kaiapó e emocionou a todos. O filme foi produzido por Ronaldo Duque, através de convênio entre os Ministérios do Esporte e da Cultura com o Centro de Informação e Documentação.


Entre as autoridades presentes estavam: a secretária Nacional de Esporte e Lazer, Rejane Penna Rodrigues, representando o ministro do Esporte, Orlando do Silva, o presidente da Fundação Nacional do índio (Funai), Marcio Meira, o secretário da Identidade e Diversidade Cultural do Ministério da Cultura, Sérgio Mamberti, e Marcos Terena, presidente do Comitê Intertribal.

Esporte e Lazer indígenas


Em sua saudação Rejane Penna destacou o empenho do Ministério do Esporte para preservação da cultura tradicional indígena. “Os jogos dos indígenas são apenas um dos aspectos da Política Nacional do Esporte e do Lazer. O governo federal quer chegar no dia-a-dia de cada povo e dar voz ao sujeito”, ressaltou. Como mostra desse interesse, a secretária anunciou que durante a realização dos jogos foi feita uma pesquisa onde se levantou o interesse e as necessidades dos indígenas com relação ao esporte e ao lazer.


“O Segundo Tempo, programa de inclusão de jovens carentes em área de risco social também funciona comunidades e aldeias indígenas. O mesmo está acontecendo com os núcleos do Programa Esporte e Lazer da Cidade, que também serão direcionados à população e cultura indígena”, revela Penna.


Governo reforça aliança


Em consonância com a secretária, Marcos Terena afirmou que “a relação Comitê Intertribal e Ministério do Esporte está sendo construída numa base de confiança”. Marcio Meira, por sua vez, reafirmou o compromisso do governo federal em relação a demarcação de terras. “Sempre fomos parceiros (Ministério da Justiça/Funai) e vamos continuar defendendo a causa indígena”, afirmou.


Já o anfitrião Sérgio Mamberti destacou o respeito à diversidade de raças. “O governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva reconhece a importância desse povo e se coloca como aliado de respeito e de preservação da causa indígena”, concluiu.

Carla Belizária
Ascom - Ministério do Esporte


Loading. Please wait...

Fotos popular