Pravda.ru

Desporto

Americano naturalizado russo ganha o Eurobasket para a Rússia

17.09.2007
 
Americano naturalizado russo ganha o Eurobasket para a Rússia

Jon Robert Holden , o americano naturalizado russo, a dois segundos do fim conquistou ontem (16) para a Rússia o título de campeão europeu masculino de basquete. A bola ainda bateu no aro antes de dar a vitória à Rússia.

Na última posse de bola, a Espanha ainda tentou a virada. Após cobrança de lateral, o pivô Pau Gasol, principal estrela do time, arremessou da cabeça do garrafão, mas a bola bateu na tabela e no aro.

Esse foi o primeiro título europeu da Rússia, que tinha como melhor resultado o vice-campeonato de 1993 -perdeu para a Alemanha. A Espanha, que é a atual campeã mundial, também estava atrás de uma conquista inédita, depois de ser vice em 1983, 1999 e 2003.

Para chegar à vitória, a Rússia parou Gasol, jogador do Memphis Grizzlies, da NBA. O pivô teve fraco desempenho ofensivo e terminou o jogo com 14 pontos. Foram apenas três arremessos certos de 12 tentativas e cinco lances livres certeiros dos 12 que teve à disposição.

Na reta final, ele também chamou a responsabilidade ao marcar os últimos quatro pontos, mas perdeu três lances livres que poderiam ter mudado a história da decisão.

Americano naturalizado russo ganha o Eurobasket para a Rússia
Gasol ainda contribuiu com 14 rebotes, três assistências e três tocos, mas cometeu cinco erros.

 Bem pior esteve Juan Carlos Navarro, que costuma aparecer nos grandes momentos e desta vez não marcou pontos (zero em cinco nos "tiros" de campo, em 16.52 minutos), enquanto Felipe Reyes também foi manietado pelos postes contrários (dois em nove nos «tiros» de dois). A 1.48 minutos do final, conseguiram uma vantagem de cinco pontos (59-54), com Gasol em destaque, embora visivelmente extenuado.


Dois lances livres de Kirilenko, a 1.17 minutos do fim, devolveram a emoção ao jogo (59-56) e, após um "turnover" de Carlos Jimenez, os russos colocaram-se a um ponto (59-58), graças a um cesto de Nikita Morgunov, a 43 segundos do final.

A Espanha parou o jogo e apostou em Gasol, mas Holden roubou-lhe a bola e marcou do lado contrário, com 2,37 segundos para jogar, o que acabou por ser o cesto da vitória, já que, na resposta, a bola lançada pelo número quatro da casa... não quis entrar.

Pela Rússia, o destaque foi o ala-pivô Andrei Kirilenko, com 17 pontos, cinco rebotes e duas assistências. Outros com boa atuação foram Savrasenko, com 10 pontos, e Victor Khryapa, jogador do Chicago Bulls, com 7 pontos, 12 rebotes, quatro rebotes e três bolas recuperadas.


Loading. Please wait...

Fotos popular