Pravda.ru

Desporto

FIFA 2010: Rússia e Ucrânia temem jogadas políticas

13.10.2009
 
FIFA 2010: Rússia e Ucrânia temem jogadas políticas

Os jogadores e dirigentes das seleções nacionais da Rússia e da Ucrânia não querem uma politização de uma possível partida de acesso à fase final da FIFA 2010 na África do Sul. O sorteio entre os melhores segundos classificados nos grupos da Europa (Rússia estará presente e Ucrânia precisa de vencer Andorra) tem lugar na próxima segunda-feira em Zurich, Suíça.

A Rússia vai jogar com uma das seguintes quatro equipas: Bósnia, República da Irlanda, Ucrânia (se vencer Andorra) ou Eslováquia/Eslovénia (dependendo dos resultados).

Com várias questões políticas em jogo, desde a pretenção de Yushchenko levar a Ucrânia para a OTAN até ao fornecimento de armamento pela Ucrânia à Geórgia durante a guerra no ano passado, os ânimos estariam muito altos se houvesse um “derby” jogado em duas mãos.

Andrei Arshavin (Rússia) declarou que “quero evitar um derby”, enquanto o ex-jogador Aleksei Smertin remata “Nós antigamente representávamos o mesmo país e inevitavelmente haveria uma tremenda intriga ao redor deste jogo”.

Por sua parte, o atacante ucraniano Andriy Shevchenko declarou que “Não queria jogar contra a Rússia. Para quê precisamos destes jogos políticos?” enquanto o guarda-redes da seleção ucraniana, Oleksandr Shovkovskiy, disse que “Devido à nossa posição no mapa, o país que menos gostaria de enfrentar é a Rússia”.


Loading. Please wait...

Fotos popular