Pravda.ru

Desporto

MTur e FGV iniciam mapeamento de infra-estrutura turística para Copa 2014

10.12.2008
 
MTur e FGV iniciam mapeamento de infra-estrutura turística para Copa 2014

Salvador – A capital da Bahia, Salvador, é a primeira cidade a receber a comitiva do Ministério do Turismo para a aprovação de questionários e procedimentos do novo estudo encomendado pelo Ministério do Turismo à Fundação Getúlio Vargas (FGV).

A decisão foi oficializada em reunião ocorrida nesta sexta-feira (05) e marca o projeto-piloto da pesquisa que vai diagnosticar as principais necessidades das 18 cidades candidatas à sede da Copa do Mundo de Futebol de 2014.

O objetivo do levantamento é estruturar ações integradas entre governos federal, estadual e municipal, de modo a estabelecer metas comuns para equacionar os principais problemas em itens que envolvem infra-estrutura turística, segurança pública, malha aérea, unidades hoteleiras e número de leitos disponíveis.

Como resultado, espera-se preparar as 18 cidades que poderão hospedar as seleções de futebol e receber os turistas que virão ao país assistir aos jogos, atendendo às exigências da Federação Internacional de Futebol e Associados (FIFA).

“Para o turismo, a Copa do Mundo não se resume aos 30 dias de realização do evento. É uma oportunidade para o antes, o durante e o depois”, disse o chefe de gabinete do MTur, Carlos Silva, que esteve na reunião em Salvador. “Temos um intenso trabalho de planejamento pela frente, alinhando ações do setor público e da iniciativa privada. Precisamos planejar juntos as ferramentas e estratégias para qualificar esses destinos”.

Segundo ele, o diagnóstico da FGV aprofunda os resultados do Estudo de Competitividade dos 65 Destinos Indutores do Desenvolvimento Turístico Regional – Relatório Brasil, divulgado em abril.

O levantamento é uma ferramenta inédita de gestão pública que aponta o grau de desenvolvimento e nível de preparação para o Turismo em destinos prioritários na política de regionalização do setor.

Desta vez, os pesquisadores vão cruzar os primeiros resultados com as novas informações, obtidas em extensa pesquisa de campo. O diagnóstico estará finalizado em março, quando a FIFA divulga oficialmente as cidades que vão sediar o mundial. A proposta de investimentos será alinhada ao Programa de Aceleração de Crescimento (PAC) da Copa.

Além de Salvador, as cidades de Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Campo Grande (MS), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Goiânia (GO), Maceió (AL), Manaus (AM), Natal (RN), Porto Alegre (RS), Recife e Olinda (PE), Rio Branco (AC), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP) também serão pesquisadas.

Copa no Brasil - O Ministério do Turismo desenvolve ações voltadas para a Copa de 2014 desde que o Brasil foi anunciado como sede do evento.

O evento é uma grande oportunidade para o país ampliar sua visibilidade perante o mundo. “Países que realizaram eventos esportivos desse porte tiveram um aumento enorme no PIB [Produto Interno Bruto]. Os investimentos são fundamentais para a viabilidade do evento ao mesmo tempo em que deixaram um legado para o país”, avaliou o chefe de gabinete do MTur, Carlos Silva.

Ministério do Turismo


Loading. Please wait...

Fotos popular