Pravda.ru

Desporto

Portugal: 2º país europeu com mais voluntários na Copa

09.05.2014
 
Portugal: 2º país europeu com mais voluntários na Copa. 20287.jpeg

Lisboa, Abril de 2014 - Segundo dados do Governo brasileiro, Portugal é o segundo país da Europa com mais parceiros a serem treinados, pelo programa Brasil Voluntário, para prestarem apoio à organização da Copa do Mundo da FIFA 2014. A Itália ocupa a mesma posição no ranking. São 16, os portugueses atualmente em treino virtual, igualando-se aos italianos e sendo ultrapassados apenas pelos franceses, que contam com 19 participantes. Espanha, por sua vez, tem 9 pessoas inscritas.

 

  • São 16, os portugueses que estão a ser treinados pelo programa Brasil Voluntário
  • França é o país europeu com mais colaboradores: 19
  • Dos 463 estrangeiros voluntários, 95 são europeus
  • Mundial de Futebol deverá gerar 48 mil empregados ligados ao turismo

Dos 463 estrangeiros que estão a ser treinados pelo programa governamental, 95 são europeus, sendo a maior parte das vagas preenchida por voluntários dos países da América Latina.

 

A atuação dessas pessoas será em articulação com o programa de voluntariado da FIFA e irá decorrer em pontos de mobilidade, aeroportos, eventos públicos, áreas de grande fluxo, nas imediações dos estádios e nos centros de imprensa. Nestes locais, os colaboradores irão dar apoio aos adeptos, imprensa, turistas e população em geral.

Para o Mundial de Futebol deste ano, o Brasil Voluntário irá distribuir os participantes por todas as doze cidades-sede do torneio: Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo.

O programa foi criado pelo Governo Federal para os megaeventos futebolísticos dos quais o Brasil é país-sede: a Copa das Confederações 2013 e a Copa do Mundo 2014. As inscrições para ajudar no campeonato que tem início em junho decorreram até ao passado dia 16 de março.

Mundial de Futebol deverá gerar 48 mil empregos ligados ao turismo

Segundo estimativas da Embratur, deverão rumar ao Brasil 600 mil turistas estrangeiros durante a Copa, a que se juntam 3,1 milhões de turistas brasileiros que vão percorrer o país durante o evento. Para atender a esse enorme fluxo de pessoas, além do voluntariado, um grande número de empregos ligados ao sector de turismo deverá ser preenchido.

Serviços relacionados com a hospedagem, alimentação, transporte, agências de viagens, entre outros, deverão gerar 47,9 mil novos empregos entre abril e junho, como resultado da organização da Copa do Mundo. A estimativa é da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

O mesmo estudo da CNC revela que o segmento da alimentação, como bares e restaurantes, deverá responder pela maior parte dos empregos criados no turismo, gerando perto de 16 mil postos de trabalho. Os transportes de passageiros têm a previsão de abertura de 14 mil vagas. Já hotéis, pousadas e similares deverão recrutar 12,3 mil colaboradores. Juntos, estes três serviços responderão por 88,4% dos empregos criados.

 Durante a Copa das Confederações, em julho de 2013, criaram-se cerca de 29,5 mil novos postos de trabalho na área do turismo.

Sobre o turismo no Brasil

Com agradável clima tropical, praias e florestas exuberantes, rica cultura e um fascinante estilo de vida, o Brasil é um dos países mais atrativos para se visitar hoje em dia. Sendo opção acessível para uma viagem a dois, em família ou para negócios. O Brasil será sede dos dois eventos desportivos mais importantes da década - a Copa do Mundo FIFA Brasil 2014 e Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016 - o que faz com que este seja o momento ideal para planear a primeira visita ou um regresso ao país. Visite www.visitbrasil.com, www.theworldmeetsinbrasil.com e junte-se à página oficial do Brasil no Facebook, www.facebook.com/VisitBrasil.

Imago - LLORENTE & CUENCA 

 


Loading. Please wait...

Fotos popular