Pravda.ru

Desporto

Libertadores: Peñarol 0 X Velez Sarsfield 1- No Estádio Centenario

01.03.2013
 
Libertadores: Peñarol 0 X Velez Sarsfield 1- No Estádio Centenario. 17949.jpeg

O time argentino Velez Sarsfield do bairro Liniers de Buenos Aires estragou o "negócio" do Peñarol tendo apenas quatro minutos até o final da partida com chute raso e forte do (12) Lucas Pratto alvi-celeste que recebeu a bola vinda da faixa esquerda por conta do colombiano (7) Jonathan Copete. O estádio Centenario ficou mudo e logo sem torcedores uruguaios para assistir surpreso a violência dos torcedores argentinos que quebraram no mínimo os vidros de uma vitrine VIP e jogaram o aparelho da teve dessa sala na própria arquibancada.

Peñarol de Montevidéu que esteve na liderança do grupo com duas vitórias até a terceira rodada no encerramento do 1° turno perdeu perante o rival argentino que estragou a "festa" no minuto 86 da partida com subida do colombiano (07) Jonathan Copete pela faixa esquerda do ataque, impulsionando a bola de jeito raso nas redondezas do ponto de cobrança do pênalti para que o (12) Lucas Pratto que enfiou rumo ao gol do Peñarol e também chutou raso e forte do lado esquerdo do goleiro argentino, (25) Enrique Bologna.

Caso houver justiça no futebol, o empate teria sido o resultado final fora que o Velez Sarsfield tentou progredir bem mais que o Peñarol na segunda metade.

Vergonhoso foi o final mas desta vez nada tiveram a ver os jogadores que encerraram a partida sem problemas encaminhando-se rumo aos túneis dos vestiários sem briga nenhuma.

Libertadores: Peñarol 0 X Velez Sarsfield 1- No Estádio Centenario. 17950.jpeg

A torcida do Velez Sarsfield de Buenos Aires localizada na Arquibancada Preferencial "América" e assim que o arbitro brasileiro apitou o final da partida, virou descontrole absoluto quebrando vidros, no mínimo de uma das vitrines VIP da Associação Uruguaia de Futebol para logo pular dentro desse quarto, pegar o aparelho de teve e botá-lo nos degraus da própria arquibancada.

Tudo tinha iniciado na primeira metade da partida na hora que os torcedores argentinos quebraram os assentos plásticos da arquibancada jogando-os acima dos torcedores do Peñarol que assistiram o jogo na arquibancada lateral "Colombes". Vários minutos depois chegaram os policiais uruguaios quando a situação tinha virado difícil de controlar. Foi quanto protegidos pelos policiais, os torcedores argentinos foram deslocados rumo a um anel mais baixo da arquibancada "América".

Daqui a duas semanas haverá mais um jogo entre Velez Sarsfield e Peñarol pela Copa Libertadores da América mas desta vez no Estádio "José Amalfitani" do time argentino.

Libertadores: Peñarol 0 X Velez Sarsfield 1- No Estádio Centenario. 17951.jpeg

Caso não houver planejamento da polícia argentina, ficamos no aguardo de novidades extremamente ruins. Tomara que não!!

Terça-feira 26 de Fevereiro de 2013

Estádio Centenario de Montevidéu

Horário de início: 20h 30

Temperatura: 18 °C

Lotação: 45 mil pessoas.

 

Gol: 86´- (12) Lucas Pratto (Velez Sarsfield)

 

De 20h 03 até 20h09 ocorreu homenagem ao meia do Peñarol e São Paulo, Pedro Virgilio Rocha que sofre doença grave morando na cidade de São Paulo e foi representado pelo filho.

 

Árbitro: Heber Lopez (Brasil)

Uniforme dos árbitros: camisa, calção e meias vermelhas.

 

 

Escalação Peñarol

Uniforme: Camisa listrada vertical alternada amarela e preta; calção preto e meias amarelas

Goleiro: Camisa e calção cinza escuros

 

25 - Enrique Bologna (goleiro)

04 - Alejandro González

23 - Carlos Valdez

22 - Octavio Darío Rodríguez

15 - Aureliano Torres

11 - Fabián Estoyanoff

05 - Marcel Novick

20 - Sebastián Cristóforo

30 - Matías Aguirregaray

17 - Marcelo Zalayeta

19 - Juan Manuel Olivera

 

Plantão

 

12 - Danilo Lerda

13 - Damián Macaluso

26 - Miguel Amado

09 - Carlos Núñez

10 - Ignacio Nicolini

21 - Walter López

24 - Sebastián Gallegos

 

Treinador chefe: Jorge "traça" Da Silva

Assistente técnico: Sergio Cabrera

Preparador físico: Pablo Placeres

Médico: Mario Pagano

Massagista: Germinal López

Roupeiro: Jorge Delgado

 

65´- Pulou em campo: (09) Carlos Núñez x (19) Juan Manuel Olivera

78´- Pulou em campo: (10) Ignacio Nicolini x (20) Sebastián Cristóforo

78´- Pulou em campo: (24) Sebastián Gallegos x (11) Fabián Estoyanoff

 

Cartão amarelo: (09) Carlos Núñez (67´)

 

Escalação Velez Sarsfield

Uniforme: Camisa, calção e meias brancas com desenho letra "V" azul no peitoral.

Goleiro: Camisa, calção e meias cinza claros.

 

13 - Sebastián Sosa (goleiro)

03 - Emiliano Papa

04 - Gino Peruzzi

05 - Fabián A. Cubero

06 - Sebastián E. Domínguez

08 - Fernando Gago

09 - Ezequiel Rescaldani

10 - Federico Insúa

12 - Lucas Pratto

18 - Francisco Cerro

24 - Gonzalo Bella

 

Plantão

 

01 - German M. Montoya (goleiro)

07 - Jonathan Copete

19 - Juan Ignacio Sills

20 - Brian Ferreira

21 - Agustín Allione

29 - Lucas Romero

30 - Juan Sabia

 

Treinador chefe: Ricardo "Tigre" Careca

Assistente técnico: Sergio "Bocha" Santín

 

Alterações:

 

73´ - Pulou em campo: (07) Jonathan Copete x (09) Ezequiel Rescaldani

85´- Pulou em campo: (21) Agustín Allione x (24) Iván Gonzalo Bella

 

Cartão amarelo: (18) Francisco Cerro (71´)

Cartão amarelo: (03) Emiliano Papa (72´)

 

Controle Antidopagem: Médicos José Veloso e Gonzalo Gaiero Genta.

 

O Pravda agradece os senhores Ruben González e Gonzalo Massa da Associação Uruguaia de Futebol que fizeram possível a nossa participação jornalística nesta partida.

 

Confederação Sul-Americana de Futebol

www.conmebol.com

Club Atlético Peñarol

www.peñarol.org

 

Club Atlético Velez Sarsfield

www.velezsarsfield.com.ar

 

Foto principal Lucas Pratto

Foto 2 Lucas Pratto e Gustavo Espiñeira

Foto 3 Sebastián Sosa

 

Gustavo Espiñeira

  

Correspondente PRAVDA.ru

  

Montevidéu - Uruguai

 

 


Loading. Please wait...

Fotos popular